Ciencias sociais

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2419 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE ANHANGUERA – UNIDERP
Uniderp – Tangará da Serra – MT
Curso de Ciências Contábeis







CIÊNCIAS SOCIAS














Novembro/2012


UNIVERSIDADE ANHANGUERA – UNIDERP
Uniderp – Tangará da Serra – MT
Curso de Ciências Contábeis



CIÊNCIAS SOCIAIS





Trabalho apresentado para cumprimento de requisitos da Disciplina de Ciências Sociais.Prof.ª EAD:
Tutor Presencial:





Alunos e ra






Novembro/2012
Cultura, indivíduo e sociedade
Há milhares de anos, o animal humano, não se diferenciava dos outros animais. No entanto, com o passar dos anos e devido sua capacidade de adaptação (que o tornava capaz de habitar-se em qualquer lugar, independentemente do clima) e de transmitir às novas gerações tudo aquilo queaprendia, passou a ser a espécie dominante dos lugares que ocupava. Laraia (1997, p.39), afirma que o importante é que o fez com "equipamento físico muito pobre...., dotado de um instrumental extraorgânico de adaptação".
Mas, com o tempo, o homem foi aprendendo que como indivíduo isolado suas condições de sobrevivência estavam em risco, passando a caçar em grupos.
Esses atos, procedimentos queforam desenvolvidos pelo homem e que não estavam relacionados com seu instinto natural pode ser denominado como cultura.
Para o senso comum, o significado de cultura refere-se ao acúmulo de conhecimento, de saber que uma pessoa adquire. Podendo dizer que desse ponto de vista a cultura tem grande influência com o ambiente onde as pessoas estão inseridas. É muito comum a afirmação por exemplo: ummédico é uma pessoa culta enquanto um vaqueiro não é. Porém, no ponto de vista científico todos os seres humanos são possuidores de cultura, e essa cultura não é melhor ou inferior as outras, somente diferente. As pessoas que vivem na roça, tem um conhecimento sobre agricultura, que uma pessoa que vive na cidade não tem. Portanto, a pessoa da roça não possui menos cultura, mas sim uma culturadiferente. Uma definição considerada como uma das mais importante é formulada por Edward B. Taylor, em 1971, que afirmou que " cultura é aquele todo complexo que inclui conhecimento, crença, arte, moral, direito, costume e outras capacidades e hábitos adquiridos pelo homem como membro da sociedade."
Dentro da cultura humana existem traços perfeitamente identificáveis que são comuns a váriosindivíduos, formando grupos homogêneos: hábitos, costumes, valores, língua, religião, etc. Esse conjunto de traços é denominado de subculturas.
Características da cultura:
• é transmitida pela herança social e não biológica;
• compreende a totalidade das criações humanas;
• é exclusiva das sociedades humanas;
• interfere na forma como a pessoa vê o mundo, como percebe as coisas;
• é um mecanismode adaptação.
Em diferentes sociedades, a cultura possui elementos que formam sistemas complexos que apresentam um conjunto de elementos interdependentes que se relacionam. Alguns desses elementos são: traços culturais, complexo cultural, subcultura, padrão cultural.
Todas as sociedades possuem hábitos e costumes que diferem umas das outras, levando em consideração o que consideram como certoou errado, bom ou ruim, feio ou bonito e assim por diante. Dessa forma, as sociedades apresentam uma tendência de considerar seus costumes, valores, hábitos superiores ou melhores que os demais grupos sociais. Considerando o que os outros fazem como atrasado, intolerante. Essa tendência de os indivíduos considerarem suas atitudes superiores em relação as outras sociedades é chamada deetnocentrismo.
Outro fator marcante nas sociedades é a contracultura que é uma manifestação cultural de grupos que rejeitam valores e normas da sociedade, buscando estilos de vida alternativos. Constitui-se uma subcultura mas com o diferencial de se opor em relação aos valores e normas que a sociedade está inserida.
Apesar das sociedades apresentarem diferentes hábitos e costumes, pode-se identificar...
tracking img