ciencias sociais

Páginas: 5 (1130 palavras) Publicado: 12 de outubro de 2013
Etapa 1 passo 4 pag.4

A questão relevante abordada diz respeito ao referenciado no título da obra: “A Construção Social da Realidade”. A realidade, entendida como fenômenos que existem independentes da nossa vontade, é construída por uma conjunção de fatores sociais, decorrentes da ação humana. A abordagem complementar apresenta a dialética realçada em toda a obra: O Homem constrói arealidade social ao mesmo tempo que é por ela influenciado.

Coexistem diversas realidades, mas a que atua como com maior intensidade na dialética comentada é a realidade da vida cotidiana, que apresenta comportamentos diferentes entre o homem simples e o filósofo.

Sustentada pela realidade da vida cotidiana, a sociedade se apresenta em duas perspectivas complementares, como realidade objetivae como realidade subjetiva. A primeira com seus mecanismos básicos de institucionalização e legitimação. A segunda a partir de um processo de interiorização da primeira, com seus mecanismos de interiorização, dependente ou não das estruturas sociais, complementados pelas teorias sobre a identidade e pela relação entre o organismo e a identidade, dando ao indivíduo uma condição única nasociedade, embora por ela influenciado.

Esta condição única do indivíduo na sociedade é construída tendo como elementos básicos tanto os aspectos culturais do grupo social no qual o indivíduo está inserido, quanto as escolhas e os critérios de decisão do referido indivíduo. Assim, ele não assume apenas papel de fantoche, mas também de ator, embora fortemente influenciado pela realidade. Estapossibilidade de assumir o papel de ator e não de fantoche, é que move e constrói a sociedade, bem como a identidade individual.

A obra analisada situa-se no Interacionismo Simbólico, apresentando um ponto de equilíbrio entre outras abordagens da conduta humana, em especial entre extremos como o pressuposto weberiano, que considera que o homem não é um refém do passado e o modelo sistêmico parsoniano, denatureza mais determinista, que prega que as ações e condutas humanas são sempre decorrentes de valores incorporados na socialização primária. [1]



Críticas:

Não cabem aqui críticas, mas alguns comentários e questões que foram se apresentando de forma relevante ao longo da leitura e análise da obra citada:

• Existe um entendimento comum que as organizações têm como fim maiora sobrevivência, elas trabalham para se manterem vivas. Será isto uma construção social feita pelo próprio homem, que levou às organizações uma de suas características orgânicas mais relevantes ?

• Os processos de mudanças nas organizações são difíceis também pela questão apresentada na obra analisada. As organizações funcionam segundo uma lógica construída ao longo do tempo, esta lógicainfluencia os que trabalham nas organizações e estes a reforçam. Quando existe a necessidade de mudança fica muito difícil quebrar esta seqüência.

• Uma questão que chama a atenção é o convívio do indivíduo com várias realidades. Embora exista uma supostamente predominante (da vida cotidiana) podemos identificar a existência de muitas outras. Essas devem ter relação direta com as Identidades dosIndivíduos. Ai se explicam as origens de muitos dos conflitos, pois o que pode ser predominante para o indivíduo não o é para a sociedade.

• Um dos foco deste conflito deve residir nas organizações onde os indivíduos trabalham. Este conflito deve/pode ser suportável enquanto estiver gerando algum resultado que, de alguma forma, alimenta a realidade individualmente predominante.

• Umaquestão que despertou curiosidade durante a leitura e análise diz respeito à alguns processos de mudanças que ocorrem nas sociedades, principalmente os que são de difícil identificação quanto a origem da sua “construção social”. Quer dizer: fiquei curioso em saber de onde surge alguns movimentos de mudança na sociedade que não se explicam segundo a ótica da construção social da realidade, pois...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Ciencia da informação como ciencia social
  • Ciências exatas e ciências sociais
  • Resenha "A ciência e as ciências sociais"
  • Ciencias sociais
  • Ciencias sociais
  • Ciência sociais
  • Ciências sociais
  • Ciências Sociais

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!