Cidadania

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 15 (3604 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Avaliação de Sociologia - TRABALHO

1. Explique a importância dos limites territoriais para a análise sociológica de uma comunidade.


2. Cite as quatro principais características de uma comunidade. Depois, responda: O que você entende por comunidade homogênea?


3. Quais as principais diferenças entre as sociedades comunitárias e as sociedades societárias?


4. De seu ponto de vista,o que tem provocado o aumento do individualismo no mundo de hoje?


5. Elabore um conceito de cidadania.


6. Interprete este conceito político italiano Norberto Bobbio: “O direito do cidadão é a conversão universal, em direito positivo, dos direitos do homem”.


7. Escolha uma minoria que se destaca no cenário brasileiro e escreva sobre a sua atuação.


COMUNIDADE, SOCIEDADE,CIDADANIA

Muitos cientistas sociais consideram comunidades apenas determinados agrupamentos humanos de base territorial limitada e nos quais predominam relações pessoais de parentesco ou de vizinhança.

Comunidade_ Para identificar, descrever e analisar uma comunidade é preciso estar diante de grupos sociais unidos por laços afetivos. A proximidade física entre as pessoas, que a vida em pequenascomunidades proporciona, permite vínculos mais afetivos entre elas e, portanto, um maior sentimento de solidariedade.

Características da comunidade_ nitidez, pequenez, homogeneidade, relações pessoais. Ao mesmo tempo, a pequena comunidade cultiva uma forma de vida que acompanha seus membros do berço ao túmulo.

A Internet e as comunidades virtuais_ Nas grandes cidades de todo o mundo assiste-sehoje à formação de microgrupos, de tribos urbanas como os punks, os surfistas, os rappers, as gangues de periferia cujos membros não têm outro objetivo senão o de estarem juntos.
Ao lado deles surgem também grupos (comunidades virtuais) formados pelo contato virtual proporcionado por redes de computadores como a Internet. Nessas novas “comunidades virtuais” ocorre a inversão do processo deformação dos laços de afinidade social, cuja comunicação é eletrônica. A presença física deixa de ser uma das precondições para a realização do contato.
As tribos eletrônicas, que se formaram no coração do ciberespaço, são expoentes da era tecnológica, que está promovendo o casamento entre a informática e as novas formas de sociabilidade pós-modernas. A cibercultura é um fenômeno recente, em expansãocontinua, e como tal, sem regras e limites ainda definidos, funcionando basicamente a partir de uma comunicação espontânea, sem que se saiba quem é e onde está o outro.

O que mantém as comunidades_ A medida que a industrialização e a urbanização avança as comunidades tradicionais ainda se mantinham unidas, mais por uma necessidade imposta socialmente do que por aquilo que seus integrantes tinham emcomum, e com o tempo foram perdendo o poder de integração.
É o que acontece com a família, que não está em franca decadência. Mesmo com um grande número de casamentos que tem terminado em divórcio, principalmente nos grandes centros urbanos. Nas obras de literatura do séc. XIX, vemos exemplos de famílias desfeitas, mas que permaneciam unidas mantendo as aparências imposta pela sociedade, apenaspara representar um papel social. No início do séc. XX, vemos cenas comuns de pai que expulsa de casa a filha que dava a luz um filho ilegítimo, sobrava a ela poucas opções sociais, além de doar a criança, se prostituir e o suicídio. Hoje, a ligação familiar é uma associação voluntária, afetiva e de respeito mútuo e não se dá mais por uma imposição social.
Entretanto, a mobilidade geográfica eocupacional de hoje, de forma geral, retira as pessoas do lugar e da classe social a quem pertencem, ou da cultura em que nasceram, em que estiveram presentes seus pais, irmãos e outros familiares. Atua, assim, no sentido de desagregar a unidade familiar. Ocorrendo assim, o desaparecimento gradativo das formas de comunicação tradicionais e de um modo de vida comunitário que obriga as pessoas a...
tracking img