Choque

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1021 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
TÉCNICO EM QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL DE AUXILIAR DE ENFERMAGEM – ENFERMAGEM CIRURGICA







SOROCABA
2012

SOROCABA
2012













ENFERMAGEM CIRÚRGICA
HISTERECTOMIA












SOROCABA
2012

HISTERECTOMIA

É uma cirurgia realizada para retirar o útero. A histerectomia pode ser total, quando se retira o corpo e o colo do útero,ou subtotal, quando só o corpo é retirado. Ou ainda, a cirurgia é acompanhada da retirada dos ovários e trompas( histerectomia total com anexectomia bilateral ou histerectomia radical).












[pic]













Formas de Histerectomia:

• Histerectomia vaginal: é feita através de uma operação através davagina, por onde se retira o útero;
• Histerectomia abdominal: é feita através de uma incisão no abdome, por onde se retira o útero;
• Vídeo-laparoscopia: é a histerectomia onde a cirurgia é realizada por pequenos orifícios de 5 a 10 mm no abdomem e a retirada do útero é feita pela vagina.






[pic]

















INDICAÇÃO DA CIRURGIAA histerectomia é realizada quando surgem patologias graves ou depois de outros tratamentos terem sidos utilizados e não terem o btido sucesso. A histerectomia é indicada quando:
• Fibromiomas uterinos: referem-se a tumores comuns e benignos (não cancerígenos) que crescem no músculo do útero. A maior parte não cria problemas e os mesmos diminuem depois da menopausa, masoutros podem levar a excessivas perdas de sangue e dores;
• Hemorragia uterina anormal: perda de sangue irregular pela vagina;
• Prolapso uterino: o útero “desce e cai” na vagina, entrando dentro dela;
• Endometriose: ocorre qundo o tecido endometrial( a cobertura interior do útero) começa aumentar e crescer para fora do útero e sobre os órgãos próximos. Este problema caisaperíodos menstruais bastante dolorosos com hemorragia vaginal de caráter anormal e provoca problemas ao engravidar;
• Indicada no tratamento de alguns cancros do útero e do colo uterino.



[pic]
Áreas mais comuns de serem atingidas pela endometriose.








POSSÍVEIS COMPLICAÇÕES

Assim como qualquer outra cirurgia, a histerectomiapode não apresentar nenhum problema, mas alguns riscos podem incluir:
• Grande perda de sangue (fará necessária transfusão)
• Lesões em órgãos próximos ( intestino, bexiga)
• Problemas com a anestesia;
• Necessidade de alterar a incisão abdominal durante o procedimento cirúrgico;
• Infecções.
Podem ocorrer alguns efeitos colaterais que vão depender da idade,o motivo pela qual realizou a cirurgia, o fato de ter ou não menstruação, e o tipo de procedimento realizado.










































EFEITOS COLATERAIS

Ocorre que, quando a mulher ainda tem menstruação, a histerectomia acabará com a menstruação e conseqüentemente, a mulher terá os sintomas da menopausa como,alterações de humor e secura vagina. A mulher não poderá engravidar mais e se os ovários também forem removidos, a mulher entrará de fato na menopausa. Com a retirada do ovário, a mulher perde sua fonte de criação de estrogênio, e as pacientes que não puderam se submeter a uma terapia de reposição hormonal terá uma menopausa imediata, tendo uma hipótese de desenvolver osteoporose e infartos. Comremoção do ovário pode ocorrer secura vaginal, o que pode ser resolvido com o uso de estrogênios ou lubrificantes para atenuar o problema.
Com relação à vida sexual a maioria das mulheres sentirá prazer normalmente e algumas se sentirão até melhor devido a não ter o medo da gravidez e em alguns casos por não ter mais a perda sanguínea decorrente do problema que a acometia....
tracking img