China

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2772 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
INTRODUÇÃO
É percebível o extraordinário crescimento econômico chinês nos últimos anos, mesmo diante de tantos noticiários de crises estabelecidas em potências europeias à economia chinesa se supera a cada ano e não para de crescer e isso fez com que a China superasse os seus desafios e si consolidasse como a segunda potência da economia mundial ficando atrás apenas dos Estados Unidos efortalecendo a ideia de que a crise exposta no mundo em 2008 não foi párea para a nação chinesa.
O Produto Interno Bruto (PIB) da China em 2011 atingiu a marca de US$ 7,46 trilhões (com crescimento de 9,2%), e esse valor já representa 15% da economia mundial, sendo assim muito significativo, com uma estimativa de crescimento ainda maior para 2012 o que pode fazer da China dentro de alguns anos si tornara maior economia do mundo.
Com uma produção invejável e facilidade de exportação a China vem trabalhando arduamente para tirar o maior número de pessoas da pobreza, tarefa que não vai ser fácil, porém é impossível acreditar que um país de política econômica revolucionária como este, não consiga êxito em qualquer que seja seus objetivos.
Mas afinal, qual é o segredo do crescimento econômicochinês?
De onde vem esse sucesso absoluto? Do capitalismo ou vindo de uma economia socialista de mercado (como afirmado no 14° Congresso do PCC de 1992)?
Isso é o que iremos comentar daqui pra frente; Seja bem vindo a China.

O Desenvolvimento econômico da China
A partir de Deng Xiaoping, que se tornou líder em 1978, foi introduzida uma reforma na economia chinesa em que aos poucos mudariam ofuncionamento da estrutura econômica do país, podemos dizer que essa mudança na economia foi determinada por um governo central em uma época em que o mercado aconteceu por causa das grandes reformas econômicas e à abertura geral da economia.
Na década de 1980 o crescimento econômico da China surpreendeu a todos e atingiu a taxa de 9,5% do PIB ao ano, e assim na década seguinte houve um crescimentoainda maior de 10,2% do PIB, superando as economias do leste asiático é o que garante os dados do (Banco Mundial, World Development Report).
Nas décadas anteriores entre 1965 e 1980, a taxa média era de 6,8% do PIB, que deste modo era superado apenas pelos países do leste asiático, pois no mesmo período cresceram 7,3% do PIB. A China nessa época tinha um desequilíbrio de alguns setores como àagricultura, que foi originado da estratégia proposta por Mao no final dos anos 1950.
Com a mecanização da agricultura estabelecida por Mao, houve investimentos em energia elétrica e a reforma da terra “fim das comunas que foram afirmadas como um complexo-industrial, educacional, militar e gestão política sobre a força de trabalho” em 1978 foi protagonista para a expansão da produção e produtividadeagrícola e expansão da indústria leve de consumo, o que até então eram os principais obstáculos do crescimento econômico.
Com essas mudanças juntamente com a Revolução de 1949 a indústria chinesa pode contar com uma ampla mão de obra, a migração rural-urbana esteve proibida e o fluxo migratório pós o “grande salto”.
Entre os anos de 1979 a 1991, o emprego total cresceu 2,9%, o emprego agrícola1,6%, o não agrícola 5,4%. Houve muitas transformações e a principal delas ocorreu nos anos 90, foi à transição demográfica decorrentes dos efeitos da política do controle de natalidade intensivamente praticado na metade dos anos 70.
Com o resultado de mudanças 1974 e 1984, a contribuição do consumo para o crescimento da renda nacional (passa de 65% em 1979 para 70% em 1984) excede em muito acontribuição dos demais componentes da demanda.
Já no ano de 2011 o crescimento econômico do PIB foi de 9,2%, com isso podemos confirmar a consolidação da China após a crise econômica mundial de 2008.
Com todo seu crescimento, a China está gerando cada vez mais empregos e oportunidades, renda e crescimento das empresas chinesas. Mas com esse crescimento não conseguiu evitar o aumento da inflação,...
tracking img