Cerimonial e protocolo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1152 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 30 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Cerimonial e Protocolo:
A aplicação do Cerimonial e Protocolo deixou de ser exclusiva de Chefes de Estados e Autoridades, tornando-se uma ferramenta facilitadora para profissionais que trabalham com público.

Com o passar dos anos, a aplicação do cerimonial tornou-se mais simples, com solenidades rápidas e menor formalidade. Eventos agradáveis para quem organiza e participa.

Conceito deCerimonial
É a rigorosa observância de certas formalidades em eventos públicos ou privados, entre autoridades nacionais ou estrangeiras:
* Posse do Presidente da República;
* Posse do Governador do Estado;
* Cerimônias de caráter civil, militar ou religioso;
* Formaturas;
* Casamentos.
Conceito de Protocolo:
É a ordem hierárquica que determina as regras de condutaaos governos e seus representantes em ocasioes oficiais ou particulares. A hierarquia existe em todas as sociedades organizadas. O protocolo também implanta método, controle e decoro para, além de regular a conduta nas cerimônias públicas e privadas, estabelecer as leis para trocas de correspondencias oficiais e privadas e, também, o modo de vestir.

Bandeiras

Colocação de bandeiras:
* ABandeira Nacional pode ser usada em todas as manifestações do sentimento patriótico dos brasileiros, de caráter oficial ou particular.
* Nenhuma bandeira de outra nação poderá ser usada sem que a nacional esteja ao seu lado direito e seja de igual tamanho, salvo nas sedes das embaixadas e consulados.
* Num dispositivo de bandeiras (mastro ou adriças), as estrangeiras deverão ficardistribuídas à direita e à esquerda da nacional, em ordem alfabética.
* Tratando-se de bandeiras dos estados da união, a ordem é determinada pela constituição histórica, mas também poderão ser distribuídas em ordem alfabética.
* Num dispositivo em que, além das bandeiras dos países participem bandeiras de estados, municípios e entidades, a ordem será a seguinte: país, estado, município eentidade.
Número ímpar:

Número par:

Obs.: não esquecer que direita e esquerda de um dispositivo é a direita e a esquerda de uma pessoa colocada de costas para o prédio, ou palco, onde estão as bandeiras, e de frente para rua, platéia ou público.

6.            MESTRE DE CERIMÔNIAS

Mestre de Cerimônias é a pessoa encarregada de fazer a locução da solenidade, não devendo ser confundidocom o Cerimonialista,
A participação do Mestre de Cerimônias é imprescindível numa solenidade que se queira dar um tom oficial (clássico) ao evento.
O Mestre de Cerimônias deverá ter boa voz, boa dicção e boa leitura.
Faz-se necessário familiarizar-se com o que irá acontecer no evento, redigir com os coordenadores o “Script” e a relação das autoridades, pela ordem de precedência.
Doseu bom desempenho, dependerá o sucesso do evento. Ter conhecimento do cerimonial público e iniciativa, são requisitos do Mestre de Cerimônias.
É necessário cuidar da aparência: Roupas bem alinhadas, asseio corporal, cabelos bem cuidados, postura correta. Ser discreto na apresentação, pois alguns eventos sempre exigem sobriedade e muita segurança. Limitar-se no ato de apresentar a seqüência doevento e não procurar “fazer o show”. O Mestre de Cerimônias não é um “Show-man”, mas um mediador, controlador da cerimônia.

7.            COMPOSIÇÃO DE MESA, PALANQUE E LOCAL DE HONRA

As autoridades relacionadas para a composição deverão ser nominadas conforme a ordem geral de precedência, ou seja, da maior para a menor.

Composição de Mesas ( Evento)
Mesa de honra – Dependendo doestilo da mesa, pode ser
usada toalha. Arranjos de flores podem ser colocados no chão,
em frente à mesa ou sobre ela, tomando-se o cuidado de não
prejudicar a visão de quem está assistindo à cerimônia. A
escolha vai depender do local e da opção de quem estiver
organizando o evento.
As flores dão um ar festivo ao evento.
Observar também a colocação de microfones de mesa ou um
microfone de pé...
tracking img