Centrifugas na industria de alimentos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1005 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
ETEC – DR FRANCISCO NOGUEIRA LIMA
TÉCNICO EM AÇUCAR E ÁLCOOL - 4º MÓDULO
Fabricação do álcool II
Professora: delma

Centrifugas

ALUNO(S):
Ivail Américo – Nº14
Regina Ap. de Oliveira – Nº24
Alex de Souza P. – Nº01

Objetivo
Centrifugação é um processo que exigem a separação de dois ou mais componentes
líquidos e/ou sólidos.
Funcionamento.
Para a realização desses tipos deprocesso, diversas são as formas utilizadas de
separação e, sendo uma dessas formas o emprego de centrífugas. A centrifugação é
um processo mecânico que tem por função a separação ou clarificação de mistura,
onde
seus
componentes
possuam
densidad es
diferentes.
Uma centrifuga é composta basicamente por: carcaça, transmissão, capuz, tambor,
bomba centrípeta e motor de acionamento. O tambor é ocomponente mais importante
da centrífuga.

Tipo centrifuga


Centrífuga de Tambor



Centrífuga de Prato ou Disco



Centrífuga Horizontal De cantadora



Centrífuga Tubular



Centrífuga de Parafuso com Tela Perfurada



Centrífuga Pusher Filtrante

Seleção de Centrífuga Utilizada no Processo.
Após ser definido o processo as características do produto final,devemos definir o tipo
específico de centrífuga a ser utilizada para obter as características desejadas. De um
modo geral, as centrífugas podem ser divididas em centrífugas de filtração e
centrífugas de sedimentação. O quadro a seguir destaca os diferentes tipos d e
centrifugas e suas características.

Quadro-1 Tipos de Centrífugas

Centrífuga de Tambor
Centrífuga de tambor de câmarasmúltiplas é utilizada somente para a clarificação de
líquidos, como por exemplo óleo isento de água. O tambor é dotada de 2 a 8 elementos
cilindricos interno, o que resulta na divisão do tambor em uma série de câmaras
anelares unidas consecutivamente. O produto a ser clarificado entra no tambor pelo
centro, escoando consecutivamente por cada câmara anelar a partir d a câmara mais
interna. Em cadacâmara, conforme o diâmetro vai aumentando a aceleração
centrífuga, fazendo o produto escoar por zonas centrífugas cada vez maiores, até o
final
do
processo.
Centrífuga de Prato ou Disco
Neste tipo de centrífuga, o processo de separação é realizado num conjunto de pratos
ou discos, que consiste em um grande número de peças cônicas colocadas uma sobre
a outra. Com este tipo de arranjo, acâmara de separação fica subdividida em vários
recintos individuais de acordo com a quantidade de discos, pelos quais o produto escoa
em camadas finas e obtém-se assim, percursos mínimos de sedimentação para as
partículas.
Estas centrífugas operam a velocidade de 3.000 a 20.000 vezes a gravidade, e
proporciona um sistema de clarificação contínua que atende produtos com um
conteúdo de sólidos de 1a 2%. É projetada para separação sólido/líquido, ou duas
fases líquidas em base contínua. As figuras a seguir ilustra um esquema deste tipo de
centrífuga.

Esquema de Centrífuga de Disco ou Prato

Centrífuga Horizontal Decantadora
Este tipo de centrífuga consiste em dois elementos concêntricos horizontais, contidos
em uma carcaça estacionária. Sendo o cesto o elemento giratório exterior,afila-se de
forma
que
os
sólidos
descarreguem
em
um
ra io
menor.
O produto é alimentado no interior do eixo transportado por bombeamento ou por
gravidade. A força centrífuga impede a suspensão através de canais para o interior do
cesto giratório, onde os sólidos decantam através da câmara de licor formada sobr e a
parede. Este tipo de centrífuga, quando utilizada como classificadora,efetua cortes
afiados dos sólidos em suspensão e pode ser usada para processar materiais com
tamanho entre 1 - 50 mícron. Veja o esquema desta centrífuga a seguir:

Centrífuga Horizontal Decantadora

Centrífuga Tubular
A centrífuga tubular consiste em um tubo sólido fechado em ambas às extremidades e
que, normalmente é alimentada com dois líquidos de densidades diferentes, por uma...
tracking img