Celular e sala de aula projeto

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 27 (6604 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAZONAS
INSTITUTO DE CIÊNCIAS HUMANAS E LETRAS
DEPARTAMENTO DE ARTES
CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM MÍDIAS NA EDUCAÇÃO-OFERTA 02




RAIMUNDO BECKMAN DA SILVA NUNES

















USO DO CELULAR EM SALA DE AULA COMO FERRAMENTA PEDAGÓGICA























Tabatinga
2012
RAIMUNDO BECKMAN DA SILVA NUNESUSO DO CELULAR EM SALA DE AULA COMO FERRAMENTA PEDAGÓGICA



Trabalho de Conclusão de Curso apresentado como requisito parcial à obtenção do grau de Especialista em Mídias na Educação pela Universidade do Federal do Amazonas.


Orientador:Professor Ronaldo de Almeida












Tabatinga
2012
PROJETO DE INTERVENÇÃO PEDAGÓGICA NA ESCOLA

1 IDENTIFICAÇÃO:
1.1 Professor: RAIMUNDO BECKMAN DA SILVA NUNES
1.2 Área: Mídias na Educação
1.3 Professor Orientador: Ronaldo de Almeida
1.5 IES vinculada: Universidade Federal do Amazonas
1.6 Escola de Implementação: Escola Estadual Conceição Xavier de Alencar7 Público objeto da intervenção: Alunos da 2ª série do Ensino Médio, turma A.

2 TEMA DE ESTUDO NA INTERVENÇÃO:
Uso ético do celular

3 TÍTULO:
Uso do celular em sala de aula como ferramenta pedagógica

4 JUSTICATIVA:
Antes de propor usos pedagógicos para o telefone móvel celular atual é preciso desfazer alguns mitos sobre a presença do celular na escola e o principal deles é oque diz que o telefone celular é desnecessário na escola e, além disso, atrapalha o andamento das aulas.
Alguns professores se queixam que os telefones celulares distraem os alunos. É verdade. Mas antes dos telefones celulares eles também se distraiam. A única diferença é que se distraiam com outras coisas; como, aliás, continuam fazendo nas escolas onde os telefones celulares foramproibidos. O que causa a distração nos alunos é o desinteresse pela aula e não a existência pura e simples de um telefone celular. Exemplo claro disso é que em muitas escolas e em muitas aulas os alunos não se distraem com seus celulares, apesar de estarem com eles em suas mochilas, nos bolsos ou mesmo sobre as carteiras.
Alguns afirmam que os alunos usam celulares para colar. Bom, éprovável que sim. Alunos colam sempre que estão diante de provas e atividades que permitam ou estimulem a cola. Essas provas e atividades são geralmente pobres e requerem apenas uma resposta “decorada” ou que se assinalem alternativas, coloque-se verdadeiro ou falso ou se forneça um número como resposta. Nesses casos colar é a solução mais inteligente como resposta a uma avaliação pouco inteligente. Emavaliações onde o aluno precisa pensar construir respostas próprias ou realizar “ações”, praticamente não há como colar, nem com celular, nem sem celular. Além disso, como todo professor sabe muito bem, a “tecnologia da cola” é muito anterior à do celular.
Há quem diga que os alunos usam os telefones celulares para, propositalmente “zoarem” nas aulas, com o professor ou com os colegas. Éverdade! E eles também zoariam nessas mesmas aulas sem os celulares: jogando aviõezinhos, bolinhas de papel, fazendo piadinhas e outras milhares de traquinagens possíveis. Não é o celular que incentiva o aluno à indisciplina e sim o desejo dele de confrontar o professor. A solução para esses casos não tem nenhuma relação com o telefone celular, assim como não tem nenhuma relação com os aviõezinhosde papel (ou também proibiremos os alunos de trazerem cadernos na escola porque eles tiram folhas e fazem aviõezinhos de papel?).
Assim como se argumenta que a Internet permite que os alunos tenham acesso a materiais impróprios e façam uso indevido dela, também há quem diga que os telefones celulares permitem uma série de “violações” às regras e normas éticas e morais. Na verdade...
tracking img