Cavacos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 20 (4752 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
INTRODUÇÃO As operações de usinagemsão aquelas que, ao conferir à peça a forma, ou as dimensões ou o acabamento, ou ainda uma combinação qualquer destes três bens, produzem cavaco. Definimos cavaco, a porção de material da peça, retirada pela ferramenta, caracterizando-se por apresentar forma geométrica irregular. Neste trabalho prático iremos tratar mais especificamente sobre o processo detorneamento, que pode ser descrito como um processo mecânico destinado à obtenção de superfícies de revolução com auxílio de uma ou mais ferramentas. Para tanto, a peça gira em torno do eixo principal de rotação da máquina e a ferramenta se desloca simultaneamente segundo uma trajetória coplanar com o referido eixo. O processo de usinagem é hoje em dia amplamente utilizado nas mais diversas áreas daindústria de manufatura, sendo que grande destaque pode ser dado para a indústria automobilística cujos componentes exigem precisão, controle dimensional e possibilidade de produção de grandes lotes em pouco tempo, características encontradas no processo de torneamento. Tendo isso em vista vemos a grande importância de estudar e entender o processo de torneamento uma vez que ao otimizá-lo vemosgrandes resultados tanto em produtividade quanto em custos. OBJETIVOS É objetivo da primeira parte deste relatório (torno convencional), estudar os princípios da operação de usinagem por torneamento levando em consideração os seguintes aspectos 1. Manuseio do torno mecânico; 2. Movimentos de corte e de avanço; 3. Geometria da ferramenta; 4. Definição das condições de corte; 5. Mecanismo de formação decavaco; 6. Esforços de corte; 7. Aspecto da rugosidade da peça;

8. Desgaste da ferramenta. A segunda parte do relatório (torno CNC) tem como principais objetivos considerar os seguintes aspectos: 1. Analise dos cavacos obtidos; 2. Condições de corte precisas; 3. Geometria de corte das ferramentas; 4. Acabamento das peças. REVISÃO BILIOGRÁFICA Movimentos no Processo de Usinagem Os movimentosentre ferramenta e peça durante a usinagem são aqueles que permitem a ocorrência do processo de usinagem. Tais movimentos são considerados durante o projeto e a fabricação das máquinas-ferramentas que os realizarão. Por convenção, os movimentos sempre estarão ocorrendo supondo-se a peça parada e, portanto, todo o movimento sendo realizado pela ferramenta. Os movimentos podem ser ativos ou passivos:Movimentos que causam diretamente a saída do cavaco, ativos: 1. Movimento de corte: movimento entre a peça e a ferramenta, no qual sem o movimento de avanço, origina uma única retirada do cavaco; 2. Movimento de avanço: movimento entre a peça e a ferramenta que juntamente com movimento de corte origina a retirada contínua de cavaco; 3. Movimento efetivo: movimento resultante dos movimentos decorte e avanço realizado ao mesmo tempo. Movimentos que não tomam parte direta na formação do cavaco, passivos:

1. Movimento de ajuste: é o movimento entre a ferramenta e a peça, no qual é prédeterminada a espessura da camada de material a ser removida. 2. Movimento de correção: é o movimento entre a ferramenta e a peça 3. Movimento de aproximação: é o movimento entre a ferramenta e a peça, com oqual a ferramenta é aproximada da peça. 4. Movimento de recuo: é o movimento entre a ferramenta e a peça, com o qual a ferramenta é afastada da peça. Todos os movimentos estão associados a direções, sentidos, velocidades e percursos. As direções dos movimentos são suas direções instantâneas, os sentidos são aqueles resultantes quanto se considera a peça parada e a ferramenta realizando todo omovimento e as velocidades dos movimentos são suas velocidades instantâneas. 1. Direção de corte: direção instantânea do movimento de corte; 2. Direção de avanço: direção instantânea do movimento de avanço; 3. Direção de ajuste; 4. Direção de correção; 5. Direção de aproximação; 6. Direção de Reduo Já o cálculo das velocidades podem se distinguir em: 1. Velocidade de corte (vc): velocidade...
tracking img