Catequese

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1717 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
A viagem das mil luas

(Lenda extraída de programa de qualidade em educação — módulo VI — Profa. Lucila Rupp).


Era uma vez uma civilização rica e avançada. Seus habitantes viviam em harmonia, eram livres e felizes. De lá partiam navios para todos os cantos do mundo levando a ciência, a medicina, a agricultura e as artes. Para lá seguiam peregrinos em busca de conhecimentos avançados.Qual era o segredo daquelas pessoas e de seu sucesso em época tão remota?


Na formação dos jovens, havia uma etapa muito importante a ser cumprida: A viagem das mil luas...


Após muitos anos de estudo, os jovens deveriam partir para uma grande jornada que os levaria a conhecer terras distantes e lugares desconhecidos. Eles se preparavam desde a infância, primeiro com a ajuda dos pais edepois com a ajuda de mestres dedicados.


Antes de partir havia o ritual da despedida. Havia no centro de uma praça o Templo dos Navegadores, onde cada jovem entregava seu plano de viagem. Sabia desde criança, que um navegador sem plano é como um pássaro sem rumo. Sabiam que para controlar seus destinos era preciso plano e determinação. A entrega do plano representava essa intenção.


Noextremo oriental da praça, havia um templo um pouco menor onde os jovens nunca tinham entrado. Pela primeira vez o jovem que partia conheceria seu interior e o segredo das pessoas mais admiradas por todos: os sete sábios do Templo Sirius. Deles receberiam conselhos e orientação para a longa jornada que começaria com a luz da manhã.


Esta é a história de um desses jovens prestes a partir em suaviagem das mil luas.


Depois de tantos anos de preparação, o que mais poderia aprender naquela noite? Que conselhos receberiam agora que ficaria a sós com cada um dos sete sábios?


O jovem subiu as escadarias do templo, atravessou-o e viu-se diante de um jardim. O sol criava um ambiente misterioso e lá o esperava o primeiro sábio. Sentou-se ao seu lado.


Algumas nações progridem, outrasdesaparecem, algumas pessoas resistem, outras desistem. Onde está a diferença? Seria o destino, a sorte de cada um? Na nossa civilização não pensamos assim — prosseguiu o mestre. A diferença está na visão que as pessoas têm de seu futuro. Se você acreditar que terá sucesso na viagem, é muito provável que assim será. Se você, no entanto, acreditar que não terá sucesso, é certo que assim será. Você selembra de que, quando era menino, sonhava que um dia seria marinheiro de verdade e sairia para conhecer o mundo? Esse dia chegou e isso ocorreu porque primeiro você sonhou. O sábio abriu então uma caixinha de madeira trabalhada e de dentro tirou um pequeno marinheiro de chumbo, que o jovem imediatamente reconheceu, pois era um de seus brinquedos favoritos. E disse: - Leve consigo esta lembrançapara que você nunca perca aquilo que as crianças trazem dentro de si: o otimismo.


O segundo sábio recebeu o jovem já dentro do templo, um local semelhante a uma biblioteca. Havia muitos livros, alguns experimentos, objetos e cartas de navegação.


— A travessia do mar não é para principiantes — disse o sábio — e, por esse motivo, você vem se preparando durante todos esses anos. Entretanto,à medida que a viagem prosseguir, maior será a complexidade dos problemas. E você só continuará se estiver cada vez mais preparado. Atrás do desempenho de um grande músico, ou de uma bailarina, ou de um carpinteiro, existe uma jornada de práticas, estudos, dedicação e, acima de tudo, método. Você aprendeu o método dos navegadores, use-o sempre para aprender cada vez mais. Quando estiver em altomar, você encontrará um pássaro formidável, o maior de todos, o albatroz marinho. Único pássaro capaz de dar uma volta completa ao redor do planeta. Ele faz isso com muito planeio, sem bater as asas parte do tempo, usando de forma inteligente sua envergadura de quase quatro metros, evitando calmarias, dormindo sobre as águas, inspire-se nele — disse o sábio — e leve consigo esta pena de albatroz...
tracking img