Catapultas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (510 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
gabri.dias@hotmail.com
raphael_tyler@hotmail.com

Catapulta

- Objetivo:

As catapultas foram criadas pelo matemático Arquimedes como ferramentas de guerra, e eram usadas na Antiguidade paralançar objetos pesados à longa distancia como pedras ou pedaços de metal contra tropas e fortificações inimigas, ultrapassando muralhas e fossos.

- Descrição:

O nome catapulta originalmente dogrego designa lançadores de pedras. De acordo com o conceito físico aplicado para liberar energia (transformam energia potencial elástica em energia cinética) elas podem ser divididas em três tipos:catapulta de tensão, torsão e trabuco.
As primeiras catapultas eram de tensão, desenvolvidas no início do século IV a.C na Grécia. Um membro sob tensão propele o braço lançador, muito parecido com umabesta gigante.
Subseqüentemente, catapultas de torsão foram desenvolvidas, como a manganela, o onagro e a balista, a mais sofisticada catapulta. As duas primeiras têm um braço com umaestrutura-suporte para o projétil. A parte de baixo do braço lançador é inserida em cordas ou fibras que são torcidas, fornecendo a força para propelir o braço. Essas catapultas se diferenciam pelo fato de o onagroter uma prolongação de sua haste.
A balista, que embora sendo mais complexa, foi inventada primeiro, possuí dois braços que torcem duas molas paralelas e impulsionam um uníco projétil que fica sobreuma barra direcional entre as molas, toda a maquina se apoia sobre um eixo universal para flexibilizar a mira.
Finalmente, o último tipo de catapulta é o trabuco, que usa gravidade ao invés de tensãoou torsão para propelir o braço lançador. Um contra-peso caindo puxa para baixo a parte inferior do braço e o projétil é arremessado de um balde preso a uma corda pendurada no topo do braço,essencialmente como um estilingue preso a uma gangorra gigante.

- Formulas:
Para determinar o alcance do projéctil (representado na equação por D) basta usar a equação:
D = vO2.sen(2α/g) (1)
Onde vO2 é...
tracking img