Catalunia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1819 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Catalunha

Catalunha
Cataluña, Catalunya |
| |
Hino: Els segadors |
|

Catalunha
 (em catalão Catalunya; em castelhano Cataluña; em occitanoCatalonha;) é uma comunidade autónoma da Espanha, situada a nordeste dapenínsula Ibérica. Ocupa um território de cerca de 32.000 km², limitada a norte pela França e por Andorra, a leste com o Mar Mediterrâneo, a sul com aComunidadeValenciana e a oeste com Aragão. A capital da Catalunha é a cidade de Barcelona. A Catalunha é reconhecida como uma nacionalidade no seu Estatuto de Autonomia, enquanto o artigo segundo da Constituição Espanhola se refere a nacionalidade, reconhecendo e garantindo o direito à autonomia da mesma.

Historia
O primeiro povoamento da região é datada da época do Paleolítico Médio. Os restos mais antigosencontrados corresponde a mandíbula de um pré-Neandertal encontrada em Banyoles, de 25.000 anos de antiguidade.
A colonização na idade antiga deu-se em duas etapas. A primeira etapa deu-se com o início da colonização pelos gregos e cartagineses. A segunda etapa corresponde a romanização da Catalunha iniciado em 218 a.C.. O atual território catalão foi primeiro englobado à província chamada HispâniaCiterior, para formar parte desde o ano de 27 a.C. a Tarraconense, cuja capital foi Tarraco (atualTarragona). Com a crise do século III que afetou o Império Romano, a Catalunha foi afetada gravemente com destruição e abandono das vilas romanas.
No século V com a invasão dos povos germânicos, os visigodos se instalaram em Tarraconense e em 475 o rei visigodo Eurico formou o Reino de Tolosa. Osvisigodos dominaram a região até o século VIII. Em 711, os árabes iniciam a conquista da Península Ibérica, algumas batalhas tomaram conta de região principalmente em Tarragona. No último quarto do século VIII veio a reação dosCarolíngios que conseguiram o domínio das atuais cidades de Girona eBarcelona. No final do século IX, Carlos II (ou Carlos, o calvo) nomeou Vifredo o Veloso Conde de Barcelona eGerunda. Somente no século seguinte houve independência em relação ao poder carolíngio. No século XI desenvolveu-se uma Catalunha feudal. Com o casamento do conde Ramón Berenguer IV (do Condado de Barcelona) com Petronila de Aragão (do Reino de Aragão) formou-se a Coroa de Aragão. A expansão da Coroa de Aragão deu-se início com a conquistas das cidades de Lérida, Tortosa, Reino de Mallorca (nasilhas baleares), Reino deValência (que permaneceu com corte própria), Coroa da Sicília, Minorca (nas Ilhas Baleares), Sardenha (ilha italiana). Até as primeiras décadas do século XIV, a coroa teve seu apogeu que começou a mudar com o surgimento de catástrofes naturais, crises demográficas, recessão da economia catalã, o surgimento de tensões sociais e crise sucessora (o Rei Martin I não deixousucessor nomeado). Em 1443, após a conquista do Reino de Nápoles a crise se agravou. Em 1469, o Rei Fernando II de Aragão casou-se com Isabel I (Rainha de Castela) o que conduziu a uma união dos dois reinos a a formação de uma monarquia espanhola.
Nos séculos XVI e XVII, a Catalunha viveu um período de decadência. Os catalães envolveram-se num conflito, a Guerra dos Segadores, de 1640 até 1652, contra odomínio hispânico do rei Felipe IV.
Durante a Guerra de Sucessão Espanhola, a Catalunha apoiou o pretendente austríaco (tal como Inglaterra e Portugal), e depois da Batalha de Monjuic, a 11 de Setembro de 1714, apesar do heróico combate, teve que se render às tropas do pretendente francês. O novo rei, Filipe V de Espanha (conhecido como Filipe de Anjou, era neto do rei francês Luís XIV),incorporou os territórios da antiga Coroa de Aragão sob o nome de Catalunha. A região deixou de ter um estado próprio (a Generalitat e o Conselho de Cento), perdeu os seus direitos e foi incorporada definitivamente no Reino de Espanha.
Ao fim do século XIX nasceu o movimento chamado en catalão Renaixença que foi o início das reivindicações do catalanismo político. Um representante do catalanismo...
tracking img