Casa patio grega antiga

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2697 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
ÍNDICE Págs

Contexto Histórico 3

Arquitectura Grega 5

A Casa da Grécia Antiga 7

Zona Privada e Zona Pública 9

As Casas 10

• Casa de Priene 12

• Casa de Delos 12

Métodos Construtivos da Casa da Grécia Antiga

• Construção em Taipa 14

Conclusão 17

Bibliografia 18Contexto Histórico

A Grécia Antiga tinha um território muito superior ao da Grécia Actual, incluindo também partes da Turquia (toda a margem do mar Egeu), do Egipto, de Marrocos, da Itália, da França, da Espanha e, até, de Portugal, estendendo-se ao longo de todo o Mediterrâneo e até para lá das Colunas de Héracles (Estreito de Gibraltar). Para além disso no Período Helenista, Alexandre expandiua helenização até à Índia.


Os Gregos sempre mantiveram pequenos reinos independentes, governados por cidades estado política e economicamente independentes. Tirando no tempo de Alexandre nunca ouve um rei ou governo comum a todas as cidades gregas, apenas a cultura era comum onde se insere a língua, a religião e a arte.


Esta grande expansão do território grego deveu-se a uma colonizaçãolevada a cabo devido às limitações do terreno grego propriamente dito: a Grécia tem poucas terras férteis, poucos rios, muitas montanhas. Para além desse território continental, a Grécia é composta por uma série de ilhas. O mar é o principal meio de subsistência, transporte, comunicação e comércio.


Por tudo isto, os gregos voltaram-se sempre para o mar, ultrapassando todas as outras potênciasda época com a sua frota naval e o domínio absoluto do mar mediterrâneo.


Para compreender as origens da Grécia e parte da sua mitologia e religião, precisa-se compreender as duas civilizações pré-helénicas que habitaram a região antes dos gregos: a Civilização Minóica e a Civilização Micénica.


O centro da Civilização Minóica era Creta. Aí encontrava-se um palácio, exemplo dos palácioscomuns nesta civilização: com muitas salas e corredores, como um verdadeiro labirinto (é destes palácios aparece o mito do Minotauro). Por isso a Civilização Minóica é também conhecida de Civilização dos Palácios. Creta crescia em poder e chegou a dominar toda a Grécia, até que um povo vindo de Micenas conquistou a ilha e se iniciou a Civilização Micénica.


A Civilização Micénica caracterizava-senão só pelos palácios como pelas muralhas que os rodeavam e que se chamavam de Muralhas Ciclópicas. Tal como os gregos, os micénicos não tinham uma unidade política e governamental, mas em cada cidade havia uma profunda hierarquização. Eventualmente esta civilização começou a cair por diversos motivos.


A Grécia perdeu a escrita e entrou num período do qual pouco se sabe do qual é conhecido de Eradas Trevas. Foi durante esta Era que se deram as grandes transformações que fizeram a Grécia Antiga erguer-se, neste tempo existiu Homero, os eventos que se tornariam mitos, a Guerra de Tróia, e existia ainda um contacto com o Próximo Oriente, importante para o desenvolvimento cultural da Hélade, entrou-se na Idade do Ferro e construiram-se os valores da sociedade grega, concretizando-se assim osprimeiros Jogos Olímpicos.


Eventualmente a escrita regressou e criaram-se as primeiras cidades estado. Entrou-se então no Período Arcaico, onde se deram invasões persas e uma centralização na polis e na cidade. Fora da Grécia deram-se eventos que também a viriam influenciar, nomeadamente a fundação de Roma.


Este período é bastante característico, nomeadamente na arte, e ao emergir asbases da sociedade e religião grega já estavam todas formadas. As polis já eram independentes e ao mesmo tempo inter-relacionavam-se num complexo sistema. Foi ainda neste período que surgiu a pintura da cerâmica e também as bases da democracia, embora só tenha sido inventada com a entrada no período clássico.


A grande maioria da colonização aconteceu neste período e surgiu a rivalidade entre...
tracking img