cartografia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 23 (5745 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de junho de 2014
Ler documento completo
Amostra do texto
Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais

CARTOGRAFIA FUNDAMENTOS BÁSICOS

Enzo D’Arco

M.Sc., Engenheiro Agrônomo
Bacharel em Ciência da computação
Doutorando em Sensoriamento Remoto
enzo@dsr.inpe.br
1

EMENTA
1. Introdução
1.1 Histórico, conceitos e a cartografia no Brasil
1.2 Natureza dos dados espaciais
1.3 Conceitos de Geodésia
1.4 Formas e dimensões da terra
1.4.1ELIPSOIDE DE REFERENCIA
1.4.2 Datum
1.4.3 Rede Geográfica
2 Projeções cartográficas
2.1 Tipos de projeções
2.2 Classificação das projeções
2.3 Sistemas de Projeção
3 Mapas e a Escala
3.1 Mapa
3.2 Escala
3.2.1 Escala numérica
3.2.2 Escala gráfica
3.2.3 Generalização

2

4 Cartas, Mapas e Plantas
4.1 Carta
4.1.1 Séries cartográficas
4.1.2 A Carta do Mundo ao Milionésimo
4.1.3Desdobramento das folhas
4.2 Mapa
4.3 Planta
5 Bases cartográficas sobre a ótica da comunicação
5.1 Diagramação de um mapa
5.2 Regras básicas para a representação temática
5.2.1 Considerações sobre as cores e seu uso em
mapas
5.2.2 A harmonia das cores

3

5.3 Tradução gráfica
5.3.1 Modo de implantação linear
5.3.2 Modo de implantação pontual
5.3.3 Modo de implantação zonal
5.4 Níveisde informação
5.4.1 Níveis de informações em mapas digitais sistemáticos ou cadastrais
5.4.2 Variáveis visuais
6 Simbologia
7 Precisão e Exatidão

4

1. INTRODUÇÃO
Nos princípios da civilização, ainda num estágio primitivo, a primeira condição
imposta ao homem foi a de habitar a terra. Ao poucos, vi-se diante da necessidade de
criar ao seu redor os meios indispensáveis para seestabelecer e apoderar-se do
ambiente, onde lhe foi outorgado o direto de subsistir. Tal ambiente, hostil e
desconhecido até então, onde instala o seu domínio, fê-lo de imediato e por pura
intuição se aperceber das irregularidades físicas que a superfície terrestre apresenta e,
através do conhecimento rudimentar que possuía, tirar proveito das vantagens ou
vencer as dificuldades que tais aspectosdo território constituíam.

Desde então, limitado pelas possibilidades e exigências da vida primitiva, o homem
deu início à prática da Topografia ao preocupar-se em escolher o melhor lugar para
estabelecer sua habitação, tendo em vista os acidentes naturais, a proximidade de
locais com água e a facilidade de se abastecer dela e do necessário à sua manutenção.
5

Ao substituírem o espaçoreal por um espaço analógico (processo básico da
cartografia), os homens adquiriram um domínio intelectual do universo que trouxe
inumeráveis conseqüências. Os mapas precederam a escritura e a notação matemática
em muitas sociedades, mas somente no século XIX foram associados às disciplinas
modernas cujo conjunto constitui a cartografia. Mas isso não impede que os de épocas
anterioresremontem às próprias raízes de nossa cultura.
O mapa autêntico mais antigo foi elaborado a cerca de 6000 a.C. Descoberto em
1963, durante uma escavação arqueológica em Çatal Höyük, na região centro-ocidental
da Turquia, representa o povoado neolítico do mesmo nome. O traçado das ruas e
casas, conforme os vestígios resgatados, tinham ao fundo o vulcão Hasa Dag em
erupção. Esse mapa primitivo guardaalguma semelhança com as plantas das cidades
modernas, mas sua finalidade era totalmente distinta. O sítio em que foi encontrado era
um santuário ou local sagrado, e ele foi criado como parte de um ato ritual, como um
“produto de momento”, sem a intenção de ser preservado após o cumprimento do rito.
6

Todo planejamento, notadamente aquele voltado ao desenvolvimento de um país,
estado,município ou área de interesse qualquer, necessita de uma quantidade muito
grande de informações. Estas informações devem ser as mais variadas possíveis,
informações
confiáveis e estar ao alcance dos planejadores sem o que, os planos não passam de
condutas fantasiosas dos “especialistas”. Pela importância e variedade dos dados que
oferece, destaca-se de forma especial o mapeamento ou base...