Cartao sus

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 16 (3928 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
PAULO HENRIQUE CARVALHO AGUIAR
















SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE:
Cartão SUS










Artigo apresentado à UEG – Universidade Estadual de Goiás como avaliação da Linha de Pesquisa Política e Economia do Setor Público.






Orientadora: Juliana Pereira FreitasTutor orientador: Wilker Pedriel Carvalho





















RIO VERDE – GO
2012
SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE:
Cartão SUS

Paulo Henrique Carvalho Aguiar

RESUMO
Objetiva-se com este artigo analisar o funcionamento do Projeto Nacional do Cartão do SUS na cidade de Rio Verde-GO. O Cartão Nacional de Saúde foi desenvolvido e implantado como forma deprojeto piloto, onde o mesmo utiliza tecnologias de informática para a captura de informações de atendimento em saúde. O cartão na realidade faz parte um sistema composto de estratégias para que sua implantação seja pautada por princípios que o levem a opções tecnológicas específicas. Para tanto, merecem destaque cinco premissas fundamentais quanto ao uso do referido Cartão SUS. O primeiro é queo porte do cartão não é condição para acesso aos serviços de saúde; o segundo dá como garantia ao usuário que o acesso às informações será respeitado com privacidade e ética profissional; um terceiro fator está na responsabilidade dos gestores do SUS pela guarda da base de dados;  um quarto é a adoção de padrões tecnológicos, preferencialmente abertos; e por fim, o quinto que é o respeito aoprocesso de trabalho e às funcionalidades requeridas no ato do atendimento. No entanto, o Cartão apresenta características e desafios próprios que os governos (gestores) deverão criar políticas no sentido de fazer com que o Cartão SUS seja algo eficiente, e concretize de fato todas as suas particularidades, a fim  de atingir o objetivo pelo qual foi criado.


Palavras-chave: Cartão SUS, saúde,população.

ABSTRACT

Objective with this article tothe functioning of the National Project competitivene s s the SUS Card in the city of Rio Verde-GO. National health card was developed and deployed as a pilot project, where the same computer technologies uses to catch health care information. The card actually does part a system composed of strategies for their deployment is guided by principlesthat lead to specific technological options. To do so, highlights five fundamental assumptions regarding the use of the SUS Card. The first is that the size of the card is not a condition for access to health services; the second gives as the user that guarantee access to information will be respected with privacy and professional ethics; a third factor is the responsibility of the administratorsof SUS by bodyguards of the database; a fourth is the adoption of technological standards, preferably open; and finally, the fifth that is respect for the worker process and the features required at the time of service. However, the card has its own characteristics and challenges that Governments (managers) must create policies to make the SUS Card is something efficient and realize in fact allits peculiarities, in order to accomplish the purpose for which it was created.

Key-words: SUS Card, health, population


1 INTRODUÇÃO


O Sistema Único de Saúde foi criado a partir de um movimento político/social em prol da saúde pública brasileira em uma grande mobilização de setores como a sociedade civil organizada, os movimentos de saúde, os trabalhadores de saúde, os gestores ea academia. Por esse caminhar histórico de convergência política e que se inseriu na Constituição Federativa do Brasil o capítulo da saúde pública, criando um sistema universal e que se caracteriza pela democracia participativa.
O SUS é na realidade uma transformação na materialização de uma concepção acerca da saúde pública brasileira, visto que a mesma era entendida para o governo...
tracking img