Capitalismo e urbanismo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 95 (23685 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Maria Encarnação Beltrão Sposito

Capitalismo e Urbanização

Esta obra foi digitalizada pelo grupo Digital Source para proporcionar, de maneira totalmente gratuita, o benefício de sua leitura àqueles que não podem comprá-la ou àqueles que necessitam de meios eletrônicos para ler. Dessa forma, a venda deste e-book ou até mesmo a sua troca por qualquer contraprestação é totalmente condenávelem qualquer circunstância. A generosidade e a humildade é a marca da distribuição, portanto distribua este livro livremente. Após sua leitura considere seriamente a possibilidade de adquirir o original, pois assim você estará incentivando o autor e a publicação de novas obras.

http://groups.google.com.br/group/digitalsource http://groups.google.com/group/viciados-em-livros1

Sumário
A autorano Contesto ............................................................................ 9 1. 2. 3. 4. A Urbanização Pré-Capitalista ........................................................... 11 A Urbanização Sob o Capitalismo ...................................................... 30 Industrialização e Urbanização.......................................................... 42 Urbanização eCapitalismo Monopolista ........................................... 61

Sugestões de Leitura ............................................................................. 76 O Leitor no Contexto ............................................................................. 78

A AUTORA NO CONTEXTO
Maria Encarnação Beltrão Sposito nasceu em São Paulo, formou-se em Geografia pela UNESP (PresidentePrudente), concluiu doutorado na USP e pós-doutorado na Sorbonne. Trabalhou como professora de 1º e 2º graus em escolas de periferia de São Paulo, experiência que lhe valeu muito amadurecimento. Casada e mãe de Caio e Ítalo, arrola como fontes de lazer fuçar histórias de família e fotografias antigas, receber muitas visitas e cozinhar. É fã de Caetano Veloso e leitora apaixonada de Fernando Pessoa. Aseguir, Maria Encarnação responde a três perguntas: 1. Qual a importância do estudo histórico das cidades para a Geografia?
R. Parece-me fundamental recuperar a História não apenas para a reflexão sobre o urbano, mas para se fazer uma Geografia para além da paisagem, para além do que os nossos sentidos podem perceber. O corte no tempo, sem a recuperação histórica, conduz ao estudo de um espaçoestático, de uma cidade apenas formal. É preciso considerar todas as determinantes econômicas, sociais, políticas e culturais, que no correr do tempo, constroem, transformam e reconstroem a cidade, se queremos entendê-la na dinâmica de um espaço que está em constante estruturação, respondendo e ao mesmo tempo dando sustentação às transformações engendradas pelo fluir das relações sociais.

2.Qual o significado da industrialização para a urbanização?
R. A industrialização dá o "tom" da urbanização contemporânea. Embora historicamente tenha resultado dos avanços técnicos necessários ao desenvolvimento do capitalismo, a industrialização marca predominantemente as relações entre a sociedade e a natureza e é a forma dominante de produção até mesmo nos países socialistas. A cidade é oterritório-suporte para a atividade industrial, por se constituir num espaço de concentração e por reunir as condições necessárias a esta forma de produção. Contudo, o desenvolvimento da urbanização não é apenas condição para o desenvolvimento industrial, mas também este mudou o caráter da cidade, ao lhe dar, de forma definitiva, um traço produtivo e transformá-la no "centro" de gestão e controle daeconomia capitalista, subordinando até mesmo a produção agrícola que se dá no campo.

3. Qual a relação entre o crescimento das cidades dos países subdesenvolvidos com a industrialização?
R. Há relação entre estes dois processos, embora não haja correspondência em seus ritmos e não se possa dizer que o primeiro decorra do segundo. De fato, os países ditos subdesenvolvidos passam, ainda que em...
tracking img