Cancer de pele

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1216 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Câncer de pele







O que é câncer de pele?





Câncer da pele é o crescimento anormal e descontrolado das células da pele. Qualquer célula que compõe a pele pode originar um câncer, logo existem diversos tipos de câncer de pele.


O câncer de pele é o câncer mais comum do ser humano, responsável por 1/3 de todos os casos de câncer do mundo. Entretanto, apesar das altas taxasde incidência, observamos elevados índices de cura, principalmente devido ao diagnóstico precoce.


Quais os tipos de câncer de pele? 





Didaticamente é possível dividir o câncer de pele em 2 grupos: melanoma e câncer de pele não melanoma (CPNM).



Câncer de pele não melanomas:




  O CPNM engloba diversos tipos de câncer, os dois mais comuns são o carcinoma basocelular (CBC) e carcinoma espinocelular (CEC). O último é originário dos queratinócitos da pele, principal célula da epiderme (porção superficial da pele), Na epiderme existem camadas diferentes, sendo que o carcinoma espinocelular é originário da camada espinhosa (por isso espinocelular).  Já o carcinoma basocelular tem este nome porque acreditava-se que seria originário dos queratinócitos da camada basalda epiderme. Contudo, sabe-se hoje que o carcinoma basocelular é originário das células do folículo piloso. Portanto, áreas do corpo com grande quantidade de folículos pilosos como o nariz, tem maior incidência de CBC. 

[pic]

 O melanoma é um câncer originário dos melanócitos, células responsáveis pela produção de melanina. Os melanócitos ficam na parte superficial da pele, a epiderme,situados entre os queratinócitos da camada basal. A melanina que eles produzem serve de proteção contra a radiação ultravioleta. A melanina é a substância que da cor a pele, portanto, melanomas tendem a ser escuros. Melanomas são tumores agressivos que se não forem diagnosticados precocemente costumam metastizar e podem inclusive levar a óbito. O melhor tratamento para o melanoma é o diagnóstico precoceseguido de cirurgia.










Como reconhecer um câncer de pele? 





Como reconhecer um melanoma: 





O melanoma é geralmente uma lesão enegrecida, escura. Pode ser plana (somente mancha) ou formar nódulos ou feridas. Pode surgir de lesões pré-existentes (pintas ou sinais). Toda lesão pré-existente que sofrer alguma alteração deve ser prontamente examinada por ummédico dermatologista.  Existe uma regra mnemônica, a regra do ABCDE. 
Assimetria: Os melanomas tendem a exibir uma assimetria de cores e forma.
Bordas: Os melanomas apresentam bordas irregulares, com final abrupto da pigmentação.


Cores: Nos melanomas, predominam as cores escuras e/ou a presença de várias cores em uma mesma lesão (preto marrom claro marrom escuro, cinza-azulado, vermelho ebranco).
Diâmetro: O crescimento rápido é uma das principais características do melanoma, o que leva a lesões de diâmetros maiores. Como regra diâmetros maiores que 6 milímetros levam a uma suspeita maior de lesão maligna. Lembrando sempre que existem melanomas de diâmetro menor e quanto mais precoce o diagnóstico melhor.
Evolução: Toda pinta que mudar (mudança de cor, formato, relevo) em curtoperíodo de tempo (1 a 3 meses) deve ser examinada por um dermatologista.


[pic]




















Quais os fatores de risco para câncer de pele? 




O principal fator de risco no desenvolvimento de câncer de pele é a exposição à radiação ultravioleta do sol. O risco de câncer de pele em indivíduos brancos dobra a cada 8-10º de decréscimo de latitude, mostrando que quantomais próximo do equador, maior a exposição solar, maior o risco de câncer de pele. A exposição solar crônica é o fator mais importante na gênese de um câncer de pele. O risco de desenvolver um carcinoma basocelular é 5 vezes maior aos 75 anos se comparado a um individuo de mesma cor de pele com 50 anos. Isto mostra a importância do efeito cumulativo da exposição à radiação solar. Contudo, a...
tracking img