Canção: um gênero textual na fronteira

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2688 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
CANÇÃO: UM GÊNERO TEXTUAL NA FRONTEIRA
ENTRE A ORALIDADE E A ESCRITA



RESUMO

O artigo que ora apresentamos constitui um breve estudo acerca do gênero textual canção, que localizado entre a oralidade e a escrita costuma ser confundido com a poesia ou considerado uma forma inferior de poesia, inclusive pelos manuais de língua Portuguesa, depreciação que acaba por obstar a utilização dessegênero em sala de aula. Embora reconheçamos seus pontos de convergência, nosso objetivo nesse trabalho é diferenciar o gênero Canção do gênero Poesia, explorando para tanto suas principais particularidades. Partindo das concepções de teóricos como Marcuschi (2005), Irene Machado (2008) e Nelson Costa (2007) dentre outros, dividiremos o presente trabalho em duas partes: na primeira exporemos ascaracterísticas gerais dos gêneros textuais ressaltando a diferença conceitual existente entre gêneros e tipos textuais, em seguida discorreremos sobre as especificidades do gênero canção, o qual não pode ser considerado nem exclusivamente verbal, nem exclusivamente peça melódica, mas um conjugado das duas materialidades. O presente trabalho se justifica por acreditarmos que a canção, estando maispróxima da realidade dos educandos e estabelecendo relações com a vida fora da escola, tem potencial para contribuir a um aprendizado verdadeiramente significativo.

Palavras Chave: gêneros textuais, canção, poesia .


1. INTRODUÇÃO

O presente artigo apresenta um breve estudo acerca do gênero textual canção que, localizado entre a oralidade e a escrita, ainda é abordado como uma poesia deentretenimento por muitos manuais de Língua Portuguesa. O objetivo principal deste trabalho é comprovar que, provida de características próprias que a individualizam e determinam sua realização em contextos específicos, a canção é um gênero textual que merece reconhecimento; além disso, tratando-se de canções populares, seu alcance em massa e seu alto poder atrativo fazem desse gênero umaimportante ferramenta no âmbito escolar.
Partindo das concepções de teóricos como Marcuschi e Irene Machado dentre outros, dividiremos o trabalho em duas partes: a primeira compreende uma exposição acerca dos gêneros textuais a fim de comprovar que a canção possui os elementos necessários para receber tal classificação, e na segunda, discorreremos sobre as especificidades desse gênero tão próximo dapoesia, mas que não deve ser confundido com ela. O presente trabalho se justifica por acreditarmos que a canção possui características que, se trabalhados de maneira adequada, podem contribuir consideravelmente para um aprendizado significativo.


2. GÊNEROS TEXTUAIS

Os Gêneros Textuais são os textos efetivamente produzidos no cotidiano, possuem características gerais comuns facilmenteidentificáveis ligadas às práticas sociais da comunidade onde ocorrem. Segundo Marcuschi, “os Gêneros textuais são fenômenos históricos, profundamente vinculados à vida cultural e social, eles contribuem para ordenar e estabilizar as atividades comunicativas do dia a dia”. (2007 – p. 19); dessa forma, são inúmeros, assim como são inúmeras as práticas sociais e se essas práticas se modificam e evoluem, osgêneros que a elas se ligam também evoluirão. Não é difícil constatar essa diversidade de gêneros, já que os textos apresentam determinadas características sociocomunicativas definidas por conteúdos, intencionalidade e composição, que as diferenciam e tornam possível sua aplicação em ocasiões diversas. Assim, não sentimos grandes dificuldades em reconhecer cada tipo de enunciado, como: carta,bilhete, scrap, resenha (gêneros escritos), palestra, notícia televisiva (gêneros falados), piada, canção, ladainha (gêneros escritos e falados) etc.
Embora a forma do gênero adiante muito de suas propriedades, na prática eles “caracterizam-se muito mais por suas funções comunicativas, cognitivas e institucionais do que por suas peculiaridades linguísticas e estruturais” (MARCUSCHI, 2007 – p. 20)....
tracking img