Caldeiras

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1597 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 31 de julho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Isolamento acústico na prevenção da perda auditiva

A perda auditiva é assunto entre cientistas, médicos e engenheiros ligados à segurança do trabalho. As pessoas reagem de maneira diferente à exposição sonora, umas são mais sensíveis que as outras, umas desconcentram-se facilmente das atividades que estão exercendo, outras se afligem quando expostas à barulhos persistentes, o que leva aolongo dos anos ou meses, complicações à saúde e prejuízos ao desempenho das empresas.
Para amenizar este problema, alguns estudiosos, sinalizam a importância da utilização contínua dos EPI´s, assim como na aplicação de isolamentos acústicos nos ambientes de trabalho em que a incidência de ruído verificada esteja acima da permitida.EPI auditivo. Isolamento de máquinas.
O engenheiro químico e de segurança do trabalho, João Messias Mendes, diretor da Proseg, defende o uso de equipamentos de proteção coletivo, visto que a exposição de ruídos elevados também pode afetar o sistema nervoso e trazer problemas ortopédicos ao trabalhador, pois além do ruído forte, estas máquinas vibram e essaoscilação pode trazer distúrbios na estrutura óssea do trabalhador. João destaca que os EPI´s podem e devem ser utilizados, mas como um complemento.
Conforme a NR 6 é obrigação dos empregadores prevenir , implementar e gerenciar programas que amenizem a progressão da perda auditiva do trabalhador.



Tipos de Controle:
Os níveis de pressão sonora devem ser sempre reduzidos e monitorados, poisexistem múltiplas causas que devem ser objetos de estudo e intervenção.
Entre as formas de controle a emissão de ruídos, estão:
• Modificações ou substituições de máquinas e equipamentos;
• Redução dos efeitos e forças de impacto;
• Isolamento entre superfícies que vibram e dos dispositivos e máquinas que produzem as vibrações mecânicas;
• Redução de propagação de som intenso por meio dealteração das características de ressonância de painéis, utilizando materiais amortecedores e ou enrijecedores;
• Modificações no processo de produção;
• Manutenção preventiva e corretiva de máquinas e equipamentos;
• Mudanças de técnicas menos ruidosas de operação.
A diminuição de ruídos pela introdução de materiais absorventes, assentamento com materiais antivibrantes e isolamento do posto dotrabalho do local de transmissão da vibração, vem sendo, muito utilizadas, com excelentes resultados.
Tratamento acústico.


Com o processo industrial rápido e irreversível, o ruído passou a ser considerado como uma das fontes de problemas de saúde dos trabalhadores, devido isto, as autoridades responsáveis, estabeleceram limites dos níveis de ruídos para aexposição humana, vide NR15, anexo 1. Hoje existem inúmeras soluções praticas e viáveis, mas que vai de encontro com o custo, que representa ter uma máquina silenciosa ou de fabricação e montagem destes dispositivos de ruído.
Existem silenciadores para as máquinas ruidosas, só que o custo de um silenciador e todo seu trabalho para implementá-los é maior do que da aquisição de máquinas já silenciosas.Segundo Samir Gerges, supervisor do Laboratório do Ruído industrial da UFSC, o isolamento acústico de uma empresa deve ser elaborado desde o seu projeto de empreendimento, o que diminui muito o custo, visto que é preconcebido espaço para acondicionar as fontes de ruído e a instalação de equipamentos com a mesma incidência em locais distantes.
Samir Gerges.

Controle de Ruído Ocupacional:É necessário monitorar, fazer o mapeamento acústico, identificar fontes de ruido e sua interpolação.
Monitoramento: medição acústica do locar ruidoso, obtendo amostragem de níveis sonoros para verificação dos referidos níveis aos critérios quantitativos preconizados por normas técnicas legais e vigentes.
Mapeamento Acústico: medição acústica que envolve amostragem de níveis sonoros para...
tracking img