Cadernos prava tj

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 30 (7498 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
CONCURSO PÚBLICO

15 / ABRIL / 2012

MANHÃ

TJMG/MG

CADERNO DE PROVAS
CADERNO CARGO:

04
PROVAS:

• Oficial Judiciário / Oficial Judiciário

• Língua Portuguesa • Noções de Informática • Noções de Direito • Atos de Ofício

LEIA ATENTAMENTE AS INSTRUÇÕES ABAIXO:
1 - Este caderno de provas contém um total de 60 (Sessenta) questões objetivas, sendo 25 de Língua Portuguesa, 5 deNoções de Informática, 20 de Direito e 10 de Atos de Ofício. Confira-o. 2 - Confira se este caderno corresponde ao cargo para o qual você está concorrendo. 3 - Esta prova terá, no máximo, 4h (Quatro horas) de duração, incluído o tempo destinado à transcrição de suas respostas no gabarito oficial. 4 - Não perca tempo em questões, cujas respostas lhe pareçam difíceis, volte a elas se lhe sobrartempo. 5 - Respondidas as questões, você deverá passar o gabarito para a sua folha de respostas, usando caneta esferográfica azul ou preta. 6 - Em nenhuma hipótese haverá substituição da Folha de Respostas por erro do candidato. 7 - Este caderno deverá ser devolvido ao fiscal, juntamente, com sua folha de respostas, devidamente preenchidos e assinados. 8 - O candidato só poderá se ausentar do recintodas provas após 1 (uma) hora contada a partir do efetivo início das mesmas. 9 - Você pode transcrever suas respostas na última folha deste caderno e a mesma poderá ser destacada. 10 - O gabarito oficial da prova objetiva será publicado no Diário do Judiciário e nos endereços www.ejef.tjmg.jus.br e www.fumarc.org.br, dois dias depois da realização da prova. 11 - A comissão organizadora da FUMARCConcursos lhe deseja uma boa prova!

[ Caderno 04 ]

Prezado (a) candidato (a) Coloque seu número de inscrição e nome no quadro abaixo: Nº de Inscrição Nome

LÍNGUA PORTUGUESA

LEITURA E APRENDIZADO.
*Nilce Rezende Fernandes

1 Um expressivo número de adolescentes, incluindo os alunos de tradicionais colégios da rede particular, apresenta dificuldade de compreensão de texto, o que édetectado pelas respostas vagas, inconsistentes, sem coerência, coesão e com graves erros de ortografia. Esses fatos se devem, na maioria das vezes, à falta de hábito aliado ao prazer da leitura. 2 Há algumas décadas, a maioria dos jovens na faixa dos 14 aos 17 anos, devorava os clássicos da literatura brasileira e até estrangeira, mesmo antes da tão propagada globalização. Havia uma intimidade entreleitores e autores como Machado de Assis, Raquel de Queiroz, Érico Veríssimo, Rubem Braga, Carlos Drumonnd de Andrade, Rubem Fonseca, Lygia Fagundes Telles, Carlos Heitor Cony, Fernando Sabino, Clarice Lispector e Guimarães Rosa, entre tantos outros. As obras eram motivo de discussão entre os amigos, que até simulavam um julgamento para condenar ou inocentar Capitu, personagem da obra-prima DomCasmurro, de Machado de Assis. 3 Dostoiévski, George Orwell, Hemingway, Tolstoi, Proust, Gabriel Garcia Márquez, entre vários também faziam parte das leituras juvenis. Ler bastante era considerado tão natural quanto dominar a tecnologia nos dias atuais. Foi dessa forma que os adolescentes aprenderam a interpretar textos, argumentar, expressando-se com clareza e no português padrão exigido. O antigoColégio Estadual Central, famoso pelo corpo docente, era o mais disputado para essa turma amante dos livros, que após o ensino médio, ingressava na UFMG com sucesso. 4 É lamentável que atualmente alunos do curso médio e superior escrevendo “xampu” com sh e “quis” com z, influenciados pelas palavras inglesas “shampoo” “quiz”, mesmo sendo o significado da segunda completamente diferente. O x dálugar ao ch em “xícara”, “mexer” e “vexame”; o inverso ocorre em “chuchu”, “enchimento” e “pichação”. Devido à semelhança do som, o j de “gorjeta” é trocado pelo g, assim como o s por z em “paralisar”, “alisar” e “puser”. 5 A língua portuguesa é complexa e as regras com uma série de exceções não contemplam cada termo, por isso a leitura é uma importante ferramenta de aprendizagem. Seria injusto...
tracking img