Ca de ovario

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1501 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Embriologia dos ovários
Entre a 6ª-8ª semana a presença o FATOR DETERMINANTE TESTICULAR, produzido pelo cromossomo Y, orientará a diferenciação dos ductos Wolf (epidídimo, ducto deferente, vesícula seminal).
Os cordões sexuais se degeneram permanecendo pequenas partes rudimentares que se localizam na medula ovariana, o rete ovarii. Na ausência desse gene (Y) não há produção de FDT e assim hádesenvolvimento dos ductos de miller (útero, trompa e vagina),.
Antes do 7° mês de gravidez: a maioria das ovogônias se transformou em um ovócito primário. Muitos ovócitos primários são perdidos por um processo chamado atresia. A atresia continua pelo restante da vida reprodutiva da mulher, de forma que aos 40-45 anos restam aproximadamente 8.000 ovócitos. Apenas um ovócito é liberado em cadaciclo menstrual de 28 dias e a vida reprodutiva dura de 30 a 40 anos os outros degeneram pro atresia.

Histologia e anatomia dos ovários
Estruturas intraperitoneais
Córtex: camada externa contendo o epitélio germinativo que origina os folículos. É nessa região que encontramos os folículos ovarianos em diferentes estágios de desenvolvimento.
(Folículo primordial folículo pré-antral folículoantral folículo pré-ovulatório ou folículo de Graff)
Medula: camada central constituída por estroma de tecido conjuntivo frouxo com maior número de fibras elásticas, algumas fibras musculares lisas, além de quantidade considerável de vasos espiralados (principalmente veias), o que confere a essa camada aspecto cavernoso.
Hilo: região da zona de união do ovário ao mesovário (folheto duplo deperitôneo que envolve os ovários por onde transitam os vasos ovarianos), através da qual se inserem as fibras nervosas e os vasos sanguíneos.
Apresentam superfície lisa até a puberdade, tornando-se rugosa à medida que as ovulações acontecem. Na menopausa, apresentam-se enrugados.
Nulíparas: Fossa ovárica que correspondem a uma fossa peritoneal de formato triangular, limitada pela ateria ilíacainterna, pelo ureter e pela inserção do ligamento largo na parede da cavidade pélvica.
Situa-se ai pela ação do ligamento suspensor do ovário, ligamento próprio do ovário e ligamento de coadaptação (fixa a extremidade tubária do ovário ao infundíbulo da tuba uterina, assegurando o contato entre eles).
Após o parto: posição do ovário se altera em função do estiramento ligamentar produzido pelagravidez. Os ligamentos tornam-se mais longos e frouxos, o que justifica seu posicionamento mais baixo na cavidade pélvica.
Irrigação: artérias ovarianas, ramos da aorta abdominal que transitam pelos ligamentos infundíbulo-pelvicos, e chegam até o ovário pelo mesovário.
Drenagem: plexo pampiriforme que drena para as veias gonadais (ovarianas) e daí para a veia cava inferior, à direita, e veiarenal, à esquerda.

O ovário é uma glândula com funções gametogênicas e endócrinas, reguladas pelo eixo hipotálamo – hipófise – ovário. Os estímulos que se iniciam nos neurônios hipotalâmicos do núcleo arqueado, que são encarregados da síntese e secreção de GnRH, que por sua vez regula a síntese de FSH e LH (gonadotrofinas). As gonadotrofinas viajam pela circulação sistêmica para se ligaremaos seus receptores específicos nas gônadas femininas. No ovário FSH estimula a maturação folicular, bem como a secreção de estrogênio e progesterona. O LH estimula secreção de androgênios bem como a lutenização dos folículos pós-ovulatórios.

O ovário se encontra funcionalmente dividido em dois compartimentos que interagem entre si nas diversas etapas da maturação folicular:
* Intersticial:formados pelas células do estroma e da teca externa
* Folicular: contem os ovócitos, as células granulosas e a teca interna.
Após a ocorrência de ovulação, a estrutura folicular e evolui até a formação do corpo lúteo, considerada a fase final da maturação do folículo.

No ovário identificamos duas porções distintas: a medula do ovário, que é constituída por tecido conjuntivo frouxo, rico...
tracking img