Céulas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1985 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de abril de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE CASTELO BRANCO
CURSO DE ENFERMAGEM
TURMA:

Priscila Torrão

PRODUÇÃO DE ENERGIA EM CÉLULAS NERVOSAS E MUSCULARES.

RIO DE JANEIRO
2010

Produção de Energia em Células Nervosas

A maior parte da energia humana provém das mitocôndrias. As mitocôndrias são como usinas termelétricas que produzem eletricidade para movimentar máquinas. O alimento que se come é ocombustível “queimado” dentro das mitocôndrias. Um dos produtos dessa combustão é o trifosfato de adenosina (ATP – do inglês adenosine triphosphate). O ATP é a “eletricidade” que põe em movimento as atividades da célula. Supre energia quando se produz proteína, quando um músculo se contrai, quando uma célula nervosa envia uma mensagem ou quando uma célula glandular elabora uma substância química. Umamolécula de ATP consta de três substâncias: adenosina, ribose e três grupos fosfato. Ligações químicas (forças que mantêm os átomos juntos) ligam os três grupos fosfato um ao outro, como os vagões de um trem. A ligação que prende os dois últimos grupos fosfato entre si é particularmente rica em energia. Sempre que a célula necessita, o ATP A glicólise é uma via catabólica central que ocorre nocitosol. Em algumas células, como nervosas e hemácias, é (juntamente com o Ciclo de Krebs na seqüência nas células nervosas mas não nas hemácias) a principal fonte de energia. A mitocôndria é a parte da célula responsável pela energia na forma de ATP (adenosina trifosfato). Os neurônios necessitam de uma enorme quantidade de energia. O cérebro é um dos tecidos mais ativos metabolicamente . No homem,por exemplo, o cérebro usa 40 ml de oxigênio por minuto. A mitocôndria usa oxigênio e glucose para produzir a maioria da energia da célula.
O cérebro consome grandes quantidades de ATP. A energia química armazenada em ATP é usada como combustível na maioria das reações bioquímicas do neurônio. Por exemplo, proteínas especiais na membrana neuronal usam energia liberada pela quebra de ATP emADP para bombear certas substâncias através da membrana para estabelecer diferenças de concentração entre o lado interno e externo do neurônio.
A Respiração das células nervosas, é aeróbica (contém oxigênio), a equação geral da respiração aeróbica.
[pic]
Sabendo-se que a respiração produz teoriacamente 36 ou 38 ATPs, dependendo do tipo de célula em que é realizada ( no entanto,parte dessa energia é gasta no transporte ativo na própria mitocôndria, e o saldo dica em cerca de 30 ATPs).
Respiração aeróbica:
Uma forma eficiente de retirar a energia contida nas ligações químicas de uma substância é provocada a reação de suas moléculas com oxigênio. É o ocorre quando se queima gasolina ou madeira. Nesse processo, chamado de combustão, as ligações são rompidas e osátomos de carbono e de hidrogênio estabelecem novas ligações com o oxigênio, sendo formadas moléculas de g´pas carbônico e de água, que contêm menor quantidade de energia.
Na respiração celular a glicose também reage com o oxigênio, mas há uma diferença fundamental. Na combustão a reação é violenta, com liberação de grande quantidade de energia em um pequeno intervalo de tempo. Na respiraçãoas quebras das cadeias de carbono são gradativas e a energia é liberada em pequenas parcelas, caso contrário, o calor produzido em uma combustão destruiria a célula.
A respiração consiste em oxidações sucessivas por meio da retirada dos átomos de hidrogênio ligados aos carbonos (desidrogenações) e da de moléculas de gás carbônico (descarboxilações). Esses processos são catalisados,respectivamente, por desidrogenases e descarboxilases.
As desidrogenasses possuem como coenzima a grupamento nicotinamida adenina dinucleotídeo (NAD), que , na forma oxidada (NAD+), se combina com elétrons e íons hidrogênio (H+) e se transforma em NADH e libera íon H+, que fica em solução. A nicotinamida ou niacina é uma vitamina do complexo B e a adenina participa da formçaão dos ácidos...
tracking img