Câncer de esôfago

6ª causa de morte por câncer no Brasil Incidência varia conforme região Maior: China, Irã, África do Sul, França e Japão Brasil 2012: estimativa de novos casos 10.420 (7.770 homens e 2.650 mulheres) CEC ♂ 3:1♀ / Adeno ♂ 15:1♀  50-60 anos  CEC : mais comum no Brasil 1/3 médio Negros  Adeno: Incidência crescente 1/3 inferior Brancos
   

CEC:  Etilismo, tabagismo  Consumo de bebidasquentes  Dieta rica em defumados e conservas (nitrosaminas)  Más condições de higiene oral  Deficiências nutricionais (vit A e C, ferro e zinco)  Acalásia  Estenose cáustica  SíndromePlummer-Vinson  Tilose palpo plantar

Adenocarcinoma  Esôfago de Barret

 Principal:

disfagia progressiva (sólidos ⇒ líquidos) + perda ponderal  Outros: odinofagia, sialorréia, halitose, tosse,rouquidão

Sinais e sintomas de doença avançada
 Afagia

(incapacidade para deglutir)  Pneumonia aspirativa (estenose do esôfago)  Rouquidão (infiltração de nervo laríngico recorrente)  Tossedurante deglutição (fístula esôfagotraqueal)  Insuficiência respiratória (infiltração de traquéia)

Sinais e sintomas de doença avançada
 Hematêmese

maciça (fístula esôfago-

aórtica) Linfonodomegalia cervical (metástase linfonodal)  Icterícia (metástase hepática)  Ascite (metástase peritonial)

 70% - Carcinoma espino-celular • 15% - terço superior • 50% - terço médio • 35% -terço inferior

(CEC)



30% - Outros tipos:
• • • • •

Adenocarcinoma Melanoma Leiomiossarcomas GIST (tumor estromal gastrointestinal) Linfomas

 Raio-X

contrastado de esôfagoestômago duodeno
• Sinal do degrau • Sinal da maçã mordida

 EDA

com biópsia e citologia



Raio-X Tórax: metástase pulmonar



TC de Tórax: extensão do tumor no mediastino e metástasepulmonar
TC de Abdome: metástase hepática e de linfonodos abdominais





Broncoscopia (e laringoscopia): tumores de terço médio e proximal Eco-Endoscopia ou Ultrassonografia endoscópica:...
tracking img