Câmbio – vertente na importação x exportação a partir do governo lula

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 18 (4295 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
CÂMBIO – VERTENTE NA IMPORTAÇÃO X EXPORTAÇÃO A PARTIR DO GOVERNO LULA[1]

José Wilson Sávio Leopoldino[2]

RESUMO: O presente artigo aborda o comportamento das exportações e importações em função da taxa de câmbio, a partir do governo Luis Inácio Lula da Silva. Com a globalização da economia e as mudanças no cenário brasileiro diante da abertura da economia nacional no início da últimadécada, objetiva com este estudo demonstrar, evidentemente de forma não exaustiva, como o mercado de câmbio pode interferir nas exportações e importações, inclusive em consequência de várias crises internas e, principalmente, externas. A metodologia utilizada foi a pesquisa bibliográfica e documental. Conclui-se que as medidas adotadas pelo governo brasileiro, em especial a implantação do câmbioflutuante, contribuíram decisivamente para o sucesso do comércio exterior, o que permitiu a inserção definitiva do país no mercado mundial.

Palavras-chave: exportações – importações – dólar – superávit - comércio exterior – governo Lula.

ABSTRACT: The present article deal with of the exports and imports behavior in function of the exchange rate, from the Luis Inácio Lula da Silva government. Withthe economy globalization and the changes in the Brazilian setting faced with the opening of the national economy, at the beginning of the last decade, this study comes to demonstrate, obviously not in the exhaustive way, how the exchange market can interfere in the exports and imports, also as a result of several internal crises, and principally, external ones. The used methodology was thebibliographical and documentary inquiry. It is ended that the measures adopted by the Brazilian government, in special the introduction of the floating exchange, contributed decisively for the success of the exterior trade, which allowed the definite insertion of the country in the world-wide market.

Key Words : exports – imports – dollar – surplus – exterior trade – Lula govern.

INTRODUÇÃODiante da globalização da economia, muitas empresas passaram a planejar suas atividades objetivando realizarem suas operações comerciais através do comércio exterior. Para algumas tornou-se uma questão de sobrevivência, pois as suas inclusões no mercado internacional foram extremamente importantes para seus sucessos empresariais, possibilitando, inclusive, o desenvolvimento e incorporação denovas tecnologias.

A concorrência mundial é uma realidade, onde em cada país procura-se produzir e exportar os bens que trazem melhor retorno ao investimento dispendido e importar os que sejam mais baratos e de boa qualidade, produzidos em condições mais favoráveis em outros países.

Para tanto, as operações são efetivadas envolvendo moedas múltiplas, sempre com base no mercado decâmbio, onde as valorizações e desvalorizações das moedas em questão interferem diretamente nas transações das empresas, devendo estas sempre procurarem as melhores condições e oportunidades para obterem os resultados financeiros esperados.

No caso do Brasil, com a implantação do câmbio flutuante a partir de 1999, houve uma “revolução” em seu comércio internacional, com os produtos ficandomais competitivos e as indústrias mais incentivadas a exportarem. Por outro lado, com o novo regime cambial, ocorreu uma queda constante do dólar em relação ao real, o que, de certa forma, prejudicou o poder competitivo das exportações, obrigando o governo brasileiro, em várias ocasiões, a adotar algumas medidas para voltar a estimular as exportações, a fim de não prejudicar o saldo da balançacomercial, crescente desde 2002.

Este trabalho visa proporcionar ao leitor uma breve análise das evoluções das exportações e importações brasileiras, diante do comportamento do mercado de câmbio, a partir do governo Lula. A abordagem foi até o mês de agosto de 2008, em função da profunda crise financeira mundial, que veio a eclodir em setembro do mesmo ano, cujos efeitos, inclusive para...
tracking img