Burguesia x proletariado

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1650 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Partindo do pressuposto de que o documento aborda principalmente características marcantes nas relações entre burgueses e proletários, neste trabalho organizei e classifiquei as informações nas seguintes categorias: Burguesia, Proletariado e Relação Burguesia x Proletariado, onde:

Burguesia: Abordas os principais pontos acerca da classe da burguesia.

Proletariado: Aborda os principaispontos acerca da classe do proletariado.

Relação Burguesia x Proletariado: Aborda características e opiniões do autor acerca das razões e conseqüências das interações e atritos entre as duas classes.

Burgueses e Proletários


“A história de todas as sociedades que existiram até nossos dias tem sido a história das lutas de classes.”

“... opressores e oprimidos, em constante oposição, têmvivido numa guerra ininterrupta, ora franca, ora disfarçada; uma guerra que terminou sempre, ou por uma transformação revolucionária, da sociedade inteira, ou pela destruição das duas classes em luta.”

“A sociedade burguesa moderna, não aboliu os antagonismos de classe. Não fez senão substituir novas classes, novas condições de opressão, novas formas de luta às que existiram no passado.”

“... anossa época caracteriza-se por ter simplificado os antagonismos de classe: a burguesia e o proletariado.”

A grande indústria criou o mercado mundial preparado pela descoberta da América: O mercado mundial acelerou prodigiosamente o desenvolvimento do comércio, da navegação e dos meios de comunicação por terra. Este desenvolvimento reagiu por sua vez sobre a extensão da indústria; e, à medidaque a indústria, o comércio, a navegação, as vias férreas se desenvolviam, crescia a burguesia, multiplicando seus capitais e relegando a segundo plano as classes legadas pela Idade Média.

Vemos, pois, que a própria burguesia moderna é o produto de um longo processo de desenvolvimento, de uma série de revoluções no modo de produção e de troca.

O governo moderno não é senão um comitê paragerir os negócios comuns de toda a classe burguesa.

A burguesia desempenhou na História um papel eminentemente revolucionário.

Onde quer que tenha conquistado o poder, a burguesia calcou aos pés as relações feudais, patriarcais e idílicas. Em uma palavra, em lugar da exploração velada por ilusões religiosas e políticas, a burguesia colocou uma exploração aberta, cínica, direta e brutal.

Domédico, do jurista, do sacerdote, do poeta, do sábio fez seus servidores assalariados.

A burguesia rasgou o véu de sentimentalismo que envolvia as relações de família e reduziu-as a simples relações monetárias.

A burguesia só pode existir com a condição de revolucionar incessantemente os instrumentos de produção, por conseguinte, as relações de produção e, como isso, todas as relações sociais.Essa revolução contínua da produção, esse abalo constante de todo o sistema social, essa agitação permanente e essa falta de segurança distinguem a época burguesa de todas as precedentes.

Pela exploração do mercado mundial a burguesia imprime um caráter cosmopolita à produção e ao consumo em todos os países.

Aglomerou as populações, centralizou os meios de produção e concentrou a propriedadeem poucas mãos. A conseqüência necessária dessas transformações foi a centralização política.

Vemos pois: os meios de produção e de troca, sobre cuja base se ergue a burguesia, foram gerados no seio da sociedade feudal. Em um certo grau do desenvolvimento desses meios de produção e de troca, as condições em que a sociedade feudal produzia e trocava, a .organização feudal da agricultura e damanufatura, em suma, o regime feudal de propriedade, deixaram de corresponder às forças produtivas em pleno desenvolvimento. Entravavam a produção em lugar de impulsioná-la. Transformaram-se em outras tantas cadeias que era preciso despedaçar; foram despedaçadas.

Em seu lugar, estabeleceu-se a livre concorrência, com uma organização social e política correspondente, com a supremacia econômica...
tracking img