Bullying

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 16 (3939 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 29 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Bullying escolar:
Um olhar para o que foi publicado

ELLEN MARÇAL RIBEIRO

RESUMO

O presente artigo trata-se de uma leitura de conteúdos com o intuito de analisar dez artigos científicos de autores brasileiros que discutem sobre o bullying nas escolas. Destes textos foram levantados alguns itens de análise: (a) a forma como foram feitas as publicações sobre o bullying escolar; (b) se elescontribuem para uma melhor compreensão das motivações que levam uma pessoa a cometer o bullying na escola; (c) se os autores sugerem formas de prevenção e/ou intervenção do bullying. Nesta leitura verificou-se que essas produções brasileiras ainda se pautam predominantemente em autores estrangeiros, que há preocupações no sentido de uma compreensão mais abrangente quanto às definições de bullyinge de possíveis influências socioculturais, bem como, de como tem sido divulgadas as publicações, sem dar voz aqueles que são vítimas do bullying escolar, o que também possibilitaria maior compreensão dos fenômenos que ocorrem na escola. Dessa forma, também inferiu-se que essas publicações não contribuíram para que haja maior compreensão acerca daquele que pratica o bullying e que essas práticasde prevenção e intervenção são pouco aplicadas em contexto real, além de não estarem integradas multidisciplinarmente como os autores sugerem. O artigo sugere a emergência de ações que podem ser veiculadas pelo profissional da Psicologia Escolar no tocante a esta temática.

Palavras-chave: Bullying Escolar; Leitura de Conteúdo; Psicologia Escolar

1. INTRODUÇÃO

O bullying para Antunes eZuin (2008), é uma denominação inglesa surgida na década de 1970, na Noruega para identificar um tipo de atitude violenta, intencional e repetitiva. Atualmente, o termo tem sido adotado por vários países e não tem tradução para a língua brasileira. Em nossa cultura, o significado de bullying está intrinsecamente relacionado à violência nos espaços intraescolares, embora o fenômeno possa serencontrado em outros contextos, como no trabalho, no lar, nas forças armadas, nas prisões, nos condomínios residenciais, nos clubes, nos asilos, entre outros.
O bullying representa, como mencionado acima, um conjunto de ações violentas, repetitivas e intencionais, cometidas pelos “bullies”, no singular "bully", que seria conforme Silva (2010), o “indivíduo valentão”, que é caracterizado porintimidar outras pessoas. O “bully” sempre impõe uma relação de poder que pode ser exemplificado, ainda que de forma simplificada, como: uma pessoa fisicamente maior que se impõe perante a fragilidade do menor e, o primeiro acredita e se coloca, por isso mesmo, superior ao outro, considerado menos forte ou importante, por razões diversas, intrínsecas ao primeiro sujeito, por sua história social e afetiva.Dessa forma, é aparente um desequilíbrio de poder físico, psicológico e/ou social entre os envolvidos na situação de bullying.
Entende-se, de acordo com a literatura disponível que, o bullying pode servir como um mecanismo da afirmação de poder interpessoal por meio da agressão. Os autores do bullying costumam agir com dois objetivos, primeiro para demonstrar poder, e segundo, paraconseguir uma afiliação junto a outros colegas (Antunes & Zuin, 2008; Pinheiro & Williams, 2009). Os bullies praticam violência física, verbal, bem como, outros tipos de assédio, e as ações só podem ser caracterizadas como bullying se forem intencionais e recorrentes, intimidando não apenas sua vítima, mas também os demais expectadores, para que estes não delatem seus atos. Sendo assim, a vitimização dobullying ocorre quando uma pessoa é feita de receptor do comportamento agressivo de outra, considerada dotada de algum “poder” e com isso, tem a necessidade de subjugar aquele considerado mais frágil. Tanto o bullying como sua vitimização tem consequências negativas imediatas e tardias sobre todos os envolvidos: agressores, vítimas e observadores (Silva, 2010; Neto, 2005).
Silva (2010)...
tracking img