Bulimia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 20 (4835 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Universidade dos Açores – Campus de Angra do Heroísmo
Licenciatura em Ciências da Nutrição (Preparatórios)
Hábitos Alimentares II, 1ºano 2010/2011

Problemas de saúde apresentados por jovens com Bulimia

“Admito que é inata em nós a estima pelo próprio corpo, admito que temos o dever de cuidar dele. Não nego que devamos dar-lhe atenção, mas nego que devamos ser seus escravos. Será escravode muitos quem for escravo do próprio corpo, quem temer por ele em demasia, quem tudo fizer em função dele. Devemos proceder não como quem vive no interesse do corpo, mas simplesmente como quem não pode viver sem ele. Um excessivo interesse pelo corpo inquieta-nos com temores, carrega-nos de apreensões, expõe-nos aos insultos; o bem moral torna-se desprezível para aqueles que amam em excesso ocorpo." 
Sêneca (filósofo)
ÍNDICE

Capítulo I – INTRODUÇÃO……………………………………………………….… 1
Capítulo II – FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA
2.1- Bulimia……………………………………...……………………….……….
2.1.1- Conceito de Bulimia……………………………...………………………...
2.1.1.1 - Subtipos de Bulimia……………………………………………………..
2.1.2 - Causas………………………………………………...……………………
2.1.3 - Manifestações…………………………………………...…………………
2.1.3.1 – Sinais eSintomas………………...………..………………………….…
2.1.4 - Consequências para a Saúde……………………………. ………………...
2.1.5 - Tratamento………………………………………………...……….………
2.1.6 - O Papel da Família………………………………………...………………
2.1.6.1 - Características comuns nas famílias de pessoas com bulimia…………...
2.1.6.2 – Como a família pode ajudar? …………………………………………...

BIBLIOGRAFIA……………………………………………. ………………………….

CAPÍTULO IIntrodução

O aumento das situações relacionadas com os distúrbios alimentares nos países desenvolvidos, particularmente no que respeita à bulimia, tem vindo a preocupar um número cada vez maior de técnicos de saúde, de pais e de educadores. ( (Raich, 2001)
A bulimia, também denominada bulimia nervosa, é um desequilíbrio alimentar psicológico, caracterizado por uma ingestão compulsiva de alimentosseguida do vómito forçado, do uso excessivo de laxantes e diuréticos ou excesso de exercício físico. A bulimia que apenas foi diagnosticada nos anos 80, atinge maioritariamente jovens do sexo feminino (90 a 95%) mais frequentemente na faixa dos 18 aos 26 anos, mas, cada vez mais têm aparecido casos de jovens com bulimia do sexo masculino. Dados do Núcleo de Transtornos Alimentares e Obesidade (Nuttra)da Santa Casa da Misericórdia do Rio de Janeiro apontam que a quantidade de homens que procuram tratamento para este problema aumentou cinco vezes de 2002 para 2003. O maior número de casos está entre os homens na faixa dos 18 aos 26 anos (Tessari, 2004).
Ainda não foi descoberta a causa da bulimia nervosa. Entretanto, os cientistas que até agora estudaram o problema chegaram à conclusão que nãoexiste uma causa única suficiente para explicar os casos das pessoas que se tornam bulímicas. Tudo o que existe actualmente são hipóteses formuladas pelos pesquisadores a partir do contacto com os doentes e familiares. Daí se desenvolveu a ideia que os transtornos alimentares (a bulimia nervosa) teriam não uma única causa, mas sim várias causas, de diferentes naturezas: biológicas, psicológicas esocioculturais. (Cobelo, Fleitlich, Guimarães, Schomer, & Cordás, 1998) A ênfase cultural na aparência física pode ter um papel importante. Problemas familiares, baixa auto-estima e conflitos de identidade também são factores envolvidos no desencadeamento desses quadros.
Em Portugal o número de casos de jovens com bulimia tem sido cada vez maior. De acordo com estudos epidemiológicosrealizados pelo Núcleo de Doenças do Comportamento Alimentar (NDCA), a bulimia atinge cerca de três por cento das raparigas dos 18 aos 30 anos.
Este trabalho visa responder à questão: “Quais os problemas de saúde apresentados pelos jovens dos 16 aos 23 anos, com Bulimia, do concelho de Angra do Heroísmo?”, ou seja, este tem como objectivo geral descrever os problemas de saúde apresentados pelos...
tracking img