Brinquedoteca

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 39 (9544 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 16 de fevereiro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
CENTRO UNIVERSITÁRIO BARÃO DE MAUÁ
CURSO DE PEDAGOGIA

A IMPORTÂNCIA DO LÚDICO NA EDUCAÇÃO INFANTIL

SAMANTHA FERREIRA

Ribeirão Preto
2008

SAMANTHA FERREIRA

A IMPORTÂNCIA DO LÚDICO NA EDUCAÇÃO INFANTIL

Monografia apresenta como exigência parcial para obtenção do título de __________________.Orientadora:

Ribeirão Preto
2008
RESUMO

O presente estudo teve o intuito de discorrer sobre a importância do lúdico na educação infantil. Dessa forma visamos falar sobre o jogo na educação infantil, classificando suas variadas formas e tipos, do brinquedo e das brincadeiras. Pudemos observar que através do brincar, não só desenvolvemos raciocínio crítico como também damosmaiores condições às crianças de desenvolver sua criatividade e interatividade social, o que é muito importante desde as primeiras etapas de vida da criança. Assim percebe-se que o brincar tornou-se indissociável com a escola, pois ambos têm que andar juntos nunca distantes para que então possamos desenvolver cada dia mais nossas crianças formando-as como bons cidadãos preparados para a vida emsociedade.

INTRODUÇÃO

O Brincar faz parte da vida da criança. E a maioria dos adultos, com maior e menor intensidade, acredita que suas crianças não vivem sem seus brinquedos.
A própria história da humanidade nos mostra que todas as crianças do mundo sempre brincaram, brincam hoje e certamente continuarão brincando (SILVA, 2006).
Muitos estudiosos defendem a idéia de quea criança brinca porque gosta de brincar, e quando isso não acontece alguma coisa não esta bem com ela. Enquanto uns dizem que a criança brinca por prazer, outros dizem que ela brinca para dominar angústias ou dar vazão, a agressividade (SILVA, 2006).
O brincar pode ser enfocado tanto como fenômeno filosófico, como sociológico, psicológico, criativo, psicoterapêutico, e pedagógico.De certa forma, o brincar é abordado como um mecanismo para contrapor à racionalidade. Uma vez que a expressão lúdica tem a capacidade de unir razão e emoção, conhecimento e sonho, formando um ser humano mais completo e pleno.
Do ponto de vista sociológico, o brincar tem sido visto como a forma mais pura de inserção da criança na sociedade. Se o conhecimento social é a base sobre o qualos grupos sociais chegam a um acordo a respeito das convenções estabelecidas pelos próprios grupo, os valore, crença, hábitos, costumes, regras, leis, moral, ética, sistema de linguagem e modos de produção são conhecimentos assimilados pela criança através da brincadeira e do uso do objeto brinquedo, que é produzido pelo homem e colocado à disposição da criança.
Do ponto de vistapsicológico o brincar esta presente em todo o desenvolvimento da criança nas diferentes formas de modificação de seu comportamento; pois na formação da personalidade, nas motivações, necessidades, emoções, valores as interações criança/família e criança/sociedade estão associados aos efeitos do brincar.
Segundo psicólogos, não existe nenhum mecanismo que tenha se revelado como mais importante do queos brinquedos para facilitar o desenvolvimento da criança.
Do ponto de vista da criatividade, as condições favoráveis ao ato de brincar assemelham-se às condições do ato do criar. Para ambos é necessário ter a coragem de errar e lançar-se numa atividade de forma descompromissada; é necessário ter iniciativa e autonomia de pensamento.
A criança que é estimulada a brincar comliberdade tem grandes possibilidades de se transformar num adulto criativo.
Do ponto de vista psicoterapêutico o brincar tem a função de entender a criança nos seus processos de crescimento e de remoção dos bloqueios do desenvolvimento, que se tornam evidentes.
Na psicoterapia o brincar assume uma função terapêutica porque nessa atividade a criança pode exteriorizar seus medos,...
tracking img