Brasil e brics corporativos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 57 (14004 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
CENTRO UNIVERSITÁRIO DE BELO HORIZONTE – UNIBH MYRELI XAVIER DE LIMA

O BRASIL E O BRIC: UM ESTUDO COMPARATIVO

Belo Horizonte 2010

MYRELI XAVIER DE LIMA

O BRASIL E O BRIC: UM ESTUDO COMPARATIVO

Artigo apresentado ao Centro Universitário de Belo Horizonte como requisito à obtenção de Aprovação na disciplina Monografia II Orientadora: Professora Geraldine Rosas

Belo Horizonte 2010 1

RESUMO

Atualmente muito se tem falado a respeito da importância das economias emergentes no médio-longo prazo. Dentre todas essas economias as que ganharam maior destaque são Brasil, Rússia, Índia e China (não necessariamente nessa ordem) e, portanto, se encontram reunidas em torno do acrônimo BRIC criado pelo economista John O’Neil do Instituto Goldman Sachs. Por possuírem umconjunto de características bastante favoráveis que os confere um grande potencial de crescimento econômico, os BRIC vêm se tornando cada vez mais objeto de investimentos e especulações. Contudo, muito ainda se discute a respeito da veracidade de tais informações, bem como sobre o mérito do Brasil em participar de tal “grupo”. A fim de tentar esclarecer e responder este questionamento segue o presenteartigo. Ao final deste trabalho será proposto um ranking que classificará cada um dos quatro BRIC em ordem decrescente, de modo que será possível visualizar a posição do Brasil perante aos demais.

Palavras-chave: BRIC – Brasil – economias emergentes – poder

ABSTRACT

Nowadays there is a lot of speak around the importance of emerging economies in the medium/long-term. Among all thiseconomies, Brazil, Russia, India and China (not necessarily in this sequence) are the ones that have acquired more prominence and because of that they were gathered in the acronym BRIC, created by the economist John O`Neil from the Goldman Sachs institute. By having a very favorable set of characteristics that grant them a great potential for economic growth, the BRIC countries have been being constantobjects of investments and speculation. However, there is still a big debate about the veracity of this forecasts, as well as on the Brazilian merit in taking part of such a “group”. Considering that, this article follows as an attempt to clarify and answer this question.

2

At the end of this paper a ranking that classifies each of the four BRIC counties in descending order will be reached, sothere will be possible to check Brazilian’s position among the others

Key-words: BRIC – Brazil – emerging economies – power

INTRODUÇÃO Brasil, Rússia, Índia e China. Esses são os quatro países que compõe o chamado BRIC. O termo cunhado pelo economista John O’Neil do Instituto Goldman Sachs tem a intenção de sugerir a idéia de novos fundamentos, novos tijolos (briks) para a economia mundial.Em seu estudo “Building Better Global Economic Brics” publicado em 2001, O’Neil defende que estes quatro emergentes seriam as maiores economias do mundo até 2050, superando o PIB do atual G8. Apesar da grande repercussão alcançada pelo termo, é importante atentar para o fato de que o BRIC não constitui um grupo ou bloco formalizado. Entretanto, devido à popularidade conquistada entre os analistase a imprensa, seus líderes passaram de fato a se reunirem ocasionalmente como tal, tendo inclusive firmado alguns tratados multi/bilaterais (ainda tímidos) nas áreas comerciais e de cooperação1. Vários são os questionamentos e discussões a respeito dos BRIC, entretanto, um dos debates mais polêmicos diz respeito ao “mérito” do Brasil em integrar tal “grupo”, pois para muitos ele se encontra emposição inferior em relação aos demais. Esse é o foco central deste artigo que tem, portanto, o objetivo de responder à seguinte pergunta: qual a posição do Brasil perante aos outros BRIC? A fim de alcançar esse objetivo, serão utilizados índices de diversas áreas temáticas, que após devidamente analisados e comparados, gerarão um ranking que mostrará a posição do Brasil frente aos demais. Para...
tracking img