Brasil , brics e desafios globais

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 16 (3809 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNICEUB – Centro Universitário de Brasília




BRASIL, BRICS E DESAFIOS GLOBAIS











2012 – Brasília-DF


Brasil, BRICS e desafios globais - RESUMO

Oliver Stuenkel – Professor adjunto de Relações Internacionais da Fundação Getúlio Vargas, com atuação em São Paulo. Tem graduação pela Universidade de Valência na Espanha, Mestrado em Políticas Públicas pela KennedySchool da Harvard University, onde foi McCloy Scholar, e doutorado em Ciência Política pela Universidade Duisburg-Essen, na Alemanha. Sua experiência de trabalho inclui projetos com as Nações Unidas no Brasil, a Cooperação Técnica Alemã (GTZ) nas Ilhas Fidji e a Secretaria do Mercosul em Montevidéu. Ele foi professor visitante na Universidade de São Paulo (USP), na School Of International Studies naJawaharlal Nehru University (JNU), e professsor de colégio no interior do Rajasthan, na Índia.

- Fonte: http://cpdoc.fgv.br/relacoesinternacionais/stuenkel

No texto “Brasil, BRICS e desafios globais”, Oliver Stuenkel, divide seu artigo em quatro partes para responder à uma pergunta: “Qual é o papel a ser desempenhado pelos BRIC no mundo?”, dentro de um novo cenário internacional que sucede aGuerra Fria, onde os “criadores do sistema global de hoje não serão mais os únicos no controle”.
Na primeira parte do artigo, denominado como “a busca por uma categoria”, descreve-se a gênese peculiar do conceito BRIC. Na segunda parte, “Os BRICS e os desafios globais”, elabora-se sobre as áreas nas quais os países do BRIC podem desempenhar um papel mais efetivo na área internacional. Naterceira parte, “A entrada da África do Sul” é feita uma breve análise de como a entrada da África do Sul afeta a aliança. A última parte serve de conclusão, e nela argumenta-se a importância que o BRICS pode adquirir dentro do cenário internacional, já que outras alianças tem se mostrado incapazes de fornecer bens públicos globais.

A busca por uma categoria:

Stuenkel explica, nessa parte, comonovos conceitos estão sempre sendo necessários se para entender o cenário mundial, e que com a ascendência da China, Índia e Brasil, não pode ser diferente. Acadêmicos tentam de maneira categórica entender como esses países emergem dentro do sistema em que eles operam, mas, segundo ele, ninguém até boje foi capaz de fazer isso de maneira conclusiva. É citado pelo autor Winston Churchill como exemplode acadêmico que buscou, em 1946, fazer a distinção de países em categorias, e conseguiu criar um conceito novo com o termo “Cortina de Ferro” (usado para designar a divisão entre a Europa Ocidental da Europa Oriental). Seis anos depois surge um novo conceito que nos ajudaria a entender e analisar o cenário internacional, o conceito de “Terceiro Mundo”, proposto por Alfred Sauvy.
Com a virada doséculo, esses conceitos acabam perdendo seu significado e surgem novas propostas para conceitualizar a realidade geopolítica. Dentro desse cenário surge a ascensão da China, e qual seria seu impacto dentro do cenário internacional. Stuenkel cita outros autores como Jonh Mearsheimer, e Martin Jacques, que previram a “elevação não pacífica da China” e “a ascensão do Império do Meio e o fim do MundoOcidental”, entre outros autores, aos quais ele faz pequenas citações.
Depois, ele cita autores que veem o futuro cenário internacional não como uma hegemonia de apenas três potências dominantes, mas também do “Segundo Mundo”, composto por atores ascendentes “chave” localizados às margens de instituições globais. Países como a África do Sul, Brasil, Turquia, México, Índia também terão um papelimportante dentro dessa ordem global. Ainda nesse contexto, o autor cita Fareed Zakaria e Kishore Mahbubani, que preveem o “Mundo Pós-Americano” e a “ascensão do resto”, que tem como expectativa um fortalecimento sistêmico dos novos atores internacionais.
Stuenkel ainda cita Jim O’Neill, que buscou criar uma categoria para os grandes países em desenvolvimento de crescimento acelerado que...
tracking img