Bras cuba

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 4 (811 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro ICHS/DHIST - Departamento de História Programa de Educação Tutorial em História (PET-HISTÓRIA) Tutora: Professora Dra. Adriana Barreto de SouzaSeminário de Literatura e História do PET-HISTÓRIA-UFRRJ Discente: Taís Dutra Candido da Silva

Resenha sobre o romance Memórias Póstumas de Brás Cubas de Machado de Assis
O livro ―Memórias Póstumas deBrás Cubas‖ é a primeira obra de Machado de Assis considerada como Realista, foi publicado de março a dezembro de 1880 como folhetim na Revista Brasileira. Narrado em primeira pessoa pelo ―defunto-autor‖Brás Cubas, que depois da morte decide narrar suas memórias. A ironia e o humor ácido permeiam esta obra, podemos perceber este traço presente até mesmo na dedicatória da obra, na qual Brás Cubasdedica o livro a um verme. Como o livro tem uma estrutura e enredo pouco usuais, Machado de Assis, através do narrador Brás Cubas, já antecipa a resposta as possíveis criticas. E o que podemos perceber notrecho destacado abaixo:
Acresce que a gente grave achará no livro umas aparências de puro romance, ao passo que a gente frívola não achará nele o seu romance usual; ei-lo aí fica privado da estimados graves e do amor dos frívolos, que são as duas colunas máximas da opinião. 1 Mas eu ainda espero angariar as simpatias da opinião [...]

O ponto de partida do livro é o ano de 1869, ano da mortedo solteirão Brás Cubas. A causa da morte foi uma pneumonia, mas na opinião do defunto –autor a morte foi causada pela obstinação de criar o ―Emplasto Brás Cubas‖, um emplasto anti-hipocondríaco,este medicamento o permitiria alcançar a glória, com a qual sonhara durante toda a vida.

1

ASSIS, Machado de. Memórias póstumas de Brás Cubas. p.1 Disponível em:http://www.dominiopublico.gov.br/pesquisa/DetalheObraForm.do?select_action=&co_obra=2038. Acesso em: 05 de dezembro de 2011

Ao longo do livro, Brás Cubas relata suas memórias. A infância do menino mimado e levado é marcada por...
tracking img