Bovinos de corte

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2136 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Universidade Federal Rural de Pernambuco – UFRPE
Unidade Acadêmica de Garanhuns – UAG
Discentes: Elizabete Teixeira Gomes
Talita D’Paula Tavares Pereira Muniz
Wagner Ferreira de Souza
Medicina Veterinária – IV período
Docente: Almir Chalegre Disciplina: Zootecnia

Bovinos de Corte

OUTUBRO - 2011
Bovídeos

Introdução
Os bovídeos(do latim Bovidae) constituem uma família de mamíferos ruminantes, ungulados, à qual pertencem animais de outras espécies como ovelha, cabra, bisonte, antílope, etc. A família está bem distribuída geograficamente, sendo ausente apenas na Austrália, e ocupa hábitats diversos, do deserto à tundra e da floresta tropical densa às montanhas elevadas.
Os Bovídeos apresentam um par de dedos naextremidade de cada pata. Alguns são encorpados e musculosos, outros são leves e com pernas longas. Muitas espécies congregam-se em grupos grandes com estruturas sociais complexas, mas outras são na maioria do tempo solitários.
No decurso da sua evolução os Bovídeos selecionaram os elementos mais úteis para escaparem aos seus predadores, defendem-se em casos extremos e aproveitam ao máximo osrecursos naturais na sua alimentação. A maioria de membros da família é herbívora. Possuem um estômago compartimentalizado, multicavitário, sendo assim, o estômago com quatro cavidades permite-lhes armazenar, em pouco tempo, uma grande quantidade de alimentos. Normalmente a dentição consta de trinta e dois dentes com grandes diastemas.
Nenhum animal pode digerir diretamente a celulose: essesanimais possuem bactérias no estômago para quebrar a celulose por fermentação.
Possuem um par de chifres, quase sempre permanentes e nunca ramificados, cobertos por um revestimento córneo. O ouvido e olfato são bastante desenvolvidos e os pavilhões auditivos, tubulares e móveis, são por vezes grandes. Uma curiosidade é que a posição inguinal das mamas faz parte de uma adaptação à corrida, porqueo balanço ventral é menor que as deslocações verticais do peito durante o galope.
Nesses animais, cujo maior interesse econômico é a produção, seja de alimento, seja de outros derivados de origem animal, melhor se caracterizam os tipos morfológicos associando-se à aptidão para cumprir as finalidades desejadas. Logo, para os bovídeos conhecem-se três aptidões: bovinos de corte, bovinos deleite e os de dupla aptidão. Os de dupla aptidão, como o próprio nome diz, são aptos tanto para corte quanto para leite, porém uma dessas características prevalecerá.

Taxonomia

Ordem: Artiodactila
• Sub-ordem: Ruminantia
• Família: Bovidae
• Sub-família: Bovinae
• Gênero: Bos
• Espécies: Bos taurus, Bos indicus

Ezoognósia

É o estudo das regiões do corpo do animal e de seu conjunto afim de avaliar o mérito de cada indivíduo, tendo em vista a utilidade ou serviço prestado ao homem. Sendo assim, o bovino de corte apresenta as seguintes características morfológicas:
- Forma geral retangular, ao passo que o tipo leiteiro caracteriza-se por ser triangular;
- Conjunto compacto com poucas saliências ou depressões;
- Cabeça média e curta, pescoço e tronco curtos e musculosos;
-Membros curtos e musculosos;
- Tende ao brevelíneo.

Bovino de corte. Bovino de leite.

Bovinos de corte

Dados reprodutivos |
Maturidade sexual | 18-24 meses |
Tempo de gestação | 280 dias |
Número de crias por parto | 1 |
Número de partos por ano | 1 |

- Características gerais:
Gado Zebu – Bos indicus
Raças:Guzerá, Gir, Nelore, Indubrasil, Sindi, Brahman.

São animais que são mais bem adaptados ao clima tropical, como o do Brasil, possuem grande resistência a carrapatos, possuem orelhas geralmente grandes, largas e pendentes. O pescoço é curto, estreito e com barbela ampla. Possui cupim bastante desenvolvido nos machos. Possuem uma pele fina e pêlos curtos. Seu aparelho digestivo tem menor...
tracking img