Bounding

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1473 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de janeiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Balanceamento e alta disponibilidade com Bonding


Tabela de conteúdo 1 Introdução
2 Modos de operação do Bonding
3 Módulo bonding
3.1 Configurando o módulo bonding
3.2 Configurando multiplas interfaces bonding
4 Interface virtual bond
5 Configurando as interfaces físicas
6 Testes
7 Automatizando o processo
8 Erros
9 Referências10 Autor
IntroduçãoEste tutorial tem o objetivo de explicar como fazer o seu servidor trabalhar com alta disponibilidade e balanceamento de cargas fazendo múltiplas interfaces de rede responderem como se fosse uma. Utilizaremos aqui o módulo do kernel "bonding".
Estarei utilizando neste artigo o Open Suse 10.1. Logo, se o seu for diferente deverá fazer os devidos ajustes.
Modos de operação doBondingO Bonding possúi diversos modos de operação mas vou apresentar aqui os dois principais
balance-rr ou modo 0
Neste modo todas as interfaces estão ativas e fazem balanceamento de carga (load balance) trabalhando em velocidade igual a soma de suas velocidades separadas (duas placas de rede 10/100 trabalharão como uma de 200) e ainda faz alta disponibilizada, pois o serviço continuaativo mesmo se alguma dessas interfaces pararem por qualquer motivo (como cabo rompido).
active-backup ou modo 1
Neste modo apenas a alta disponibilida é implementada. Não é feito o balancemento de carga pois uma placa fica como master e outra como slave. Se a marter parar de responder a slave assume.
Módulo bondingNas distribuições mais novas o módulo bonding já vem compilado comomódulo do kernel, precisando apenas ser configurado carregado. Se a sua distribuição não possúi, vc pode recompilar o kernel e abilitar o módulo "bonding".
Para verificar se a sua possue utilize o seguinte comando:
# find /lib/modules/`uname -r`/ | grep bonding
/lib/modules/2.6.16.21-0.25-default/kernel/drivers/net/bonding
/lib/modules/2.6.16.21-0.25-default/kernel/drivers/net/bonding/bonding.koSe você conseguiu um resultado parecido o seu sistema já possúe o módulo bonding compilado.
Para carregarmos o módulo utilizamos a seguinte sintaxe:
# modprobe bonding
Fazendo desta forma não temos a opção de configurar o módulo e ele trabalhará com a configuração default (modo balance-rr) e não subirá na inicialização.
Configurando o módulo bondingIremos configurar o módulo do bonding ecriaremos um alias para o mesmo. O alias é interessante em situações que vc deseja fazer mais de um bonding na mesma máquina como no caso de haver 4 interfaces de rede e desejar responder por 2 placas fazendo alta disponibilidade.
No suse o arquivo que configura os módulos é o "/etc/modprobe.conf" que no final faz um include do arquivo "/etc/modprobe.conf.local". Como este segundo arquivo émenor utilizaremos-opara melhor organizar a nossa configuração. Inclua neste arquivo as seguinte linhas:
alias bond0 bonding
options bond0 mode=0 miimon=100 downdelay=200 updelay=200
Troque o mode=0 por mode=1 caso deseje utilizar o modo active-backup.
Com essas opções o seu módulo já subirá na inicialização do sistema.
Configurando multiplas interfaces bondingSe desejar configurar váriasdispositivos bonding com diferentes opções de rede devemos alerar a inicialização dos módulos
Para criar vários dispositivos bonding com opções diferentes é neceessário iniciar o driver do bonding várias vezes. Para iniciar várias intancias do módulo para especificar nomes diferentes para cada instancia. Faremos da seguinte forma:
#bonding para a placa eth0 e eth1
alias bond0 bonding
optionsbond0 -o bond0 mode=0 miimon=100 downdelay=200 updelay=200

#bonding para a placa eth2 e eth3
alias bond1 bonding
options bond1 -o bond1 mode=1 miimon=100 downdelay=200 updelay=200
Veja que aqui temos diferentes tipos de bonding configurado. Podemos especificar quantas intancias quanto quiser.
Interface virtual bondCriaremos aqui a interface bond0 (ou outro nome que utilizou no alías) e...
tracking img