Bombas centrifugas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2312 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 22 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
BOMBAS CENTRÍFUGAS
Daniel Filipe Pereira Gonçalves 21200381 João Pedro Gomes Ferreira 21201031 Miguel Ângelo da Silva Barbosa 21200369 Sérgio Daniel Branco Fernandes 21200986

BOMBA CENTRÍFUGA
O que é ? - Máquina para movimentar fluidos. - Baseia-se na maneira mais económica de transportar fluidos.

- É um mecanismo que gera energia para o deslocamento do fluido.
- Transporta o fluido apartir de uma zona de baixa pressão para uma pressão elevada.

Classificação das bombas: As bombas são classificadas basicamente em dois tipos: hidrostáticas e hidrodinâmicas. Bombas hidrostáticas: São bombas de deslocamento positivo, que fornecem determinada quantidade de fluido a cada rotação ou ciclo. São bombas utilizadas para transmitir força hidráulica num equipamento industrial.Exemplos: Bomba de êmbolo Bombas rotativas de engrenagens Bombas rotativas de lóbulos Bombas rotativas de palhetas Bombas hidrostáticas produzem fluxo de forma pulsativa, porém sem variação de pressão no sistema.

Bombas hidrodinâmicas: São bombas de deslocamento negativo, usadas para transferir fluidos e cuja única resistência é a criada pelo peso do fluido e pelo atrito. Estas bombas raramente sãousadas em sistemas hidráulicos, porque o seu poder de deslocamento reduz quando aumenta a resistência e também é possível bloquear completamente a sua bombagem em pleno regime de funcionamento da bomba. As

bombas centrífugas são bombas hidrodinâmicas.

Funcionamento de uma bomba centrífuga: Uma bomba centrífuga é geralmente acionada por um motor eléctrico ou em alguns casos por motores decombustão interna. O eixo da bomba está acoplado ao eixo do motor que faz com que o rotor gire.

O girar do rotor provoca uma queda de pressão (vácuo) na linha de sucção, fazendo com que essa pressão seja menor do que a pressão atmosférica. A pressão atmosférica, agora maior que a pressão na tubagem de sucção, “empurra” o fluido para dentro da bomba. O fluido agora dentro da bomba é forçado asair pela ação da força centrífuga imposta pelo girar do rotor.

Uma maneira simples de explicar como actua a força centrífuga, é quando giramos um balde contendo água acima de uma certa velocidade, a água não cai. A força que mantém a água no balde é a força centrifuga.

BOMBA CENTRÍFUGA

PARTES PRINCIPAIS DE UMA BOMBA

IMPULSOR Rotor

Voluta VOLUTA

ROTOR

Rotor semi-abertoRotor fechado

Rotor aberto

QUANTO AO NÚMERO DE ROTORES DENTRO DA CARCAÇA

BOMBA DE MÚLTIPLO ESTÁGIO OU MULTICELULAR:

BOMBA DE EIXO HORIZONTAL

BOMBA DE EIXO VERTICAL

Diagrama de Mosaicos, da marca Hidrostal

INSTALAÇÃO DE UMA BOMBA CENTRÍFUGA
• Alinhamento do conjunto: O alinhamento é o processo pelo qual posicionamos dois eixos de forma que as suas linhas de centro fiquemcolineares quando estão em funcionamento.

A vida útil do conjunto motor-bomba e o funcionamento do equipamento dependem do correcto alinhamento. O alinhamento é executado pelo fabricante deve ser verificado, uma vez que pode ser afectado durante o transporte e o manuseio do conjunto. Após ligar as tubagens deve verificar-se o alinhamento, se por ventura tiver alteração, corrigir a tubagem.Tipos de desalinhamentos:

Porquê alinhar?

Eixos mal alinhados são os responsáveis de muitos problemas nas máquinas: Os testes mostram que um alinhamento incorreto é a causa de cerca de 50% de avarias nas máquinas. O desalinhamento é a designação utilizada para definir que dois eixos não rodam co-linearmente, ou seja, o eixo de rotação não é o mesmo.
Um mau alinhamento causa: - aumento devibrações; - maior consumo de energia; - maior desgaste dos rolamentos; - desgaste excessivo dos acoplamentos.

Métodos de Alinhamento

Quando a instalação é feita incorrectamente, pode trazer consequências no funcionamento, desgastes prematuros e danos irreparáveis.

A bomba deve ficar correctamente nivelada e fixada ao solo.

Sucção Positiva

Sucção Negativa

 Na sucção, deve...
tracking img