Boby mc ferrin

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 4 (821 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
BOBBY MCFERRIN

VIDA
Robert McFerrin Jr nasceu em Manhattan, Nova York em 1950, filho do barítono Robert McFerrin e da cantora Sara Cooper. Robert Sr. foi o primeiro americano negro naMetropolitan Opera de Nova York. Sara é uma ex-solista em companhias regionais de ópera e em shows da Broadway, e é professora de música em Fullerton College, em Fullerton, Califórnia. Bobby estudou piano em umauniversidade californiana. Começou a carreira de cantor se graças ao amigo comediante Bill Cosby. Bobby McFerrin se casou com Debbie Lynn Green em 1975, com quem tem três filhos: Taylor John, JevonChase e Madison Grace.
Em 2011 fez dois shows no Brasil (Rio de Janeiro e São Paulo), na ocasião deu uma entrevista à Revista Época, na qual comentou fatos como: “’Don’t Worry, Be Happy’ foi meu maiorsucesso comercial e me deu um bom dinheiro. Mas é a canção menos representativa da minha carreira e do meu estilo.”; “Não gosto de ‘Don’t Worry be Happy’. Compus em 1987, depois de ouvir a frase nacasa de amigos, e hoje me incomoda que as pessoas me associem tanto a esta canção.”; “A fama não me diz nada, e o que faço não é intencional. Faço o que eu quero. Prefiro ter integridade musical a terdinheiro ou sucesso.”; “O segredo da improvisação é o movimento, cara. Você canta uma nota, depois outra, e depois outra, e assim vai. Quando sai de minha boca, acredite, estou ouvindo aquilo pelaprimeira vez, assim como a plateia.”; “Qualquer barulho, qualquer sílaba, qualquer frase, qualquer movimento. O que eu ouço, vejo, sinto ou como. Tudo me inspira.”; “Leio a Bíblia todos os dias, e nãoimagino a vida possível sem a religião e sem o meu trabalho, precisava me reencontrar espiritualmente depois de gravar Beyond Words, por isso fiz uma pausa na carreira em 2002.”; “A música clássicasempre esteve presente em minha vida. Cresci ouvindo Bach, Mozart e inúmeras óperas.”; “Meu primeiro instrumento sempre foi a voz. Só mais tarde, no fim dos anos 1970, é que um coreógrafo me incentivou...
tracking img