Bmw vermelho

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1032 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO
SERVIÇO SOCIAL

CATIANE PEREIRA DE JESUS

UM PROBLEMA CHAMADO CRACK:
O desafio social no combate ao mal do século

TEIXEIRA DE FREITAS – BA
2012
CATIANE PEREIRA DE JESUS

UM PROBLEMA CHAMADO CRACK:
O desafio social no combate ao mal do século

Trabalho apresentado ao Curso de Serviço Social da UNOPAR - Universidade Norte do Paraná, para adisciplina de Psicologia Geral.

Orientador: Prof. Lisnéia Aparecida Rampazzo

TEIXEIRA DE FREITAS – BA
2012
Sumário
Pág:
1. Resumo ___________________________________________________ 4
2. Introdução _________________________________________________ 5
3. Umproblema chamado crack: O desafio social no combate ao mal do século_____________________________________________________ 6
4. Conclusão _________________________________________________ 8

5. Referências _________________________________________________ 9



1. Resumo

O objetivo desta pesquisa é compreender qual opapel do assistente social diante dos problemas ocasionados pelo uso de Drogas apontando quais as possíveis soluções que amenizariam os problemas das famílias e da comunidade, orientar o dependente é importante, pois é necessária a compreensão do seu papel na sociedade.

2. Introdução
O Crack tornou-se um dos grandes males da nova geração. O grande número de usuários decorrente ao seu usovem preocupando vários setores governamentais que nas ultimas décadas vem desenvolvendo estratégias para tentar frear o descontrolado aumento de usuários nas pequenas e grandes cidades.
Este trabalho tem como objetivo trazer para discussão estratégias que poderiam ajudar tanto os que usufruem da droga como a própria família que sofre vários transtornos resultantes deste uso. Além disso,planeja-se articular meios que o próprio governo poderia desenvolver com o intuito de amenizar a quantidade de indivíduos, não só jovens integrantes ao mundo das drogas. Traz-se também, o papel de profissionais especializados no amparo aos usuários, assim como, as ações dos assistentes Sociais no combate e controle dos recorrentes agravos que resultarão do uso das drogas.

3. Um problema chamadocrack: O desafio social no combate ao mal do século

O Crack é um composto de pasta de cocaína e bicarbonato de sódio, apresenta-se em forma de pequenas pedras, seu uso principal é a inalação da fumaça por meio de “cachimbo” geralmente artesanal. Após a inalação são necessários apenas 10 segundos para a droga atingir o sistema nervoso e causar alucinação e paranoia no individuo, esse efeito podedurar em média de 10 a 15 minutos, por seu pequeno tempo de duração o viciado ingere várias quantidades para obter a sensação desejada, o que facilita a dependência. Existe também a associação do crack com outras drogas, as mais usadas são a maconha e o álcool.
O tempo de vida estimado de um dependente é de 5 anos, isso por causa das doenças que podem ser desenvolvidas no individuo como: danosneurológicos, doenças reumáticas, derrame, infarto, neurofilexia, problemas respiratórios, e problemas mentais. A associação à prática de crimes, a promiscuidade para manutenção do vício, a perda da identidade, a gravidez indesejada, as doenças sexualmente transmissíveis são outros fatores que corroboram para uma menor estimativa de vida.
Nas últimas décadas o Brasil tem se mostrado preocupado com oelevado número de consumo de drogas, tendo destaque o crack que se alastra por todas as classes e faixas etárias. A sociedade já compreendeu esse aumento como o mau do século, tendo necessidade de ações que ajudam solucionar os problemas resultantes deste consumo.
O trabalho social com os dependentes sempre existiu, trabalho social pode ser compreendido como uma forma democrática e humanitária...
tracking img