Bla bla bl

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1781 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Negociação e Solução de Conflitos – Acordo de paz no Oriente Médio.
Marcella Curado Haddad

RESUMO:
O artigo foi desenvolvido para mostrar que desde o início dos tempo a relação entre cooperação e conflito sempre existiu, porém com a evolução mundial, chegamos ao um mundo no qual as negociações são baseadas no seu próprio interesse gerando assim um impasse e muitas vezes levando a umanegociação ganha-perde. Toda negociação tem um ou mais objetivos, conseguir ter ambos os lados satisfeitos que é o problema, porém a luta para que isso possa acontecer é sempre válida. Baseados em conceitos expostos no artigo, vários autores que tratam dessa questão.

PALAVRAS-CHAVE: Negociação, Conflitos, Oriente Médio.


A partir do momento que os seres humanos começaram a se socializar,desta convivência surgiram diferentes formas de pensamentos, o que deu a cada indivíduo um determinado tipo de caráter, consciência e vontade.
A história natural indica que indivíduos vivendo em grupos ganham benefícios da presença de outros, em questões como a proteção de predadores, caça e investimento parental.
A vida em grupo também encerra custos. Viver em proximidade de outros damesma espécie implica a exploração simultânea dos mesmos recursos, tornando prováveis as situações de competição. A necessidade de uma coordenação de esforços individuais agrava os custos da vida social, desembocando freqüentemente em embates.
Se pararmos para pensar, desde o início dos tempos essa relação entre cooperação e conflito sempre existiu, cada Era com sua determinada forma emeio de solução, porém com a evolução do mundo, devido principalmente as revoluções industriais podemos ressaltar que a complexidade do pensamento dos seres humanos também aumentou consequentemente os conflitos até chegarmos ao um mundo no qual as negociações são baseadas no seu próprio interesse e o que certamente prevalecerá é a ambição de alcançá-los, sem pensar nos seus precedentes, gerando assimum impasse e muitas vezes levando a uma negociação ganha-perde (na qual uma parte somente sai ganhando).




É devido a essa ambição desmedida, que o homem vem destruindo não só a si, mas ao seu semelhante, pois quando se trata de dinheiro, terras e demais valores que ele o julgue relevante o conflito sempre aparece como o principal ator, que muitas vezes determina a historia de umpovo.
O que proponho ao desenrolar o artigo é ressaltar sobre negociação e solução de conflitos a nível internacional, como caso base adotará o acordo de paz no Oriente Médio.


CONCEITO DE NEGOCIAÇÃO

Toda negociação tem um ou mais objetivos, conseguir ter ambos os lados satisfeitos que é o problema, porém a luta para que isso possa acontecer é sempre válida.
Nos tempos maisremotos a mentalidade era de se levar vantagem sobre o outro e só se preocupar em atender as suas necessidades, mas essa negociação de tipo ganha-perde foi perdendo sua força com o passar do tempo, pois aquele que saíra prejudicado não negociaria mais com a outra parte, no entanto esse tipo de situação nos dias de hoje ainda não se extinguiu totalmente, pois movidos pelo materialismo o homem agesob impulso através de fraudes, blefes, falsificação, fatores comuns em qualquer negocição.
Numa negociação é fundamental que se busque um relacionamento duradouro, para que haja um contato futuro, um dos fatores críticos de sucesso para o bom resultado de uma negociação é que ambas as partes tenham bem definidas os objetivos realmente necessários. O bom é que ao definir os objetivos aspartes podem ter as mesmas necessidades, sendo assim entrando num concenso sem ser conflitante, mas sim complementares.
Podemos citar diferentes tipos de visões que envolvem o conceito de negociação. Como exemplo podemos salientar Fisher e Ury: “Negociação é um processo bilateral, com o objetivo de se chegar a uma decisão conjunta.”. Nesta definição nota-se que o processo deve favorecer os...
tracking img