BITTENCOURT, Circe Maria Fernandes. Ensino de História: Fundamentos e Métodos. 2ª. Ed. São Paulo: Cortez, 2008, cap. III e IV.

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 4 (797 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 22 de abril de 2014
Ler documento completo
Amostra do texto
BITTENCOURT, Circe Maria Fernandes. Ensino de História: Fundamentos e Métodos. 2ª. Ed. São Paulo: Cortez, 2008, cap. III e IV.
No livro Ensino de História: Fundamentos e Métodos (capítulos III eIV) a autora Circe Bittencourt foca a importância das propostas curriculares e sua introdução, em uma ocasião necessária da história do ensino de história, cabendo uma observação com precisão e regras,a recente direção reproduzida pelo currículo para se conhecer o modo de mudanças e como ocorre o processo natural do saber essencial para o aluno.
Uma analise dos métodos empregados anteriormente(século XIX) na educação, no qual os profissionais passaram a chama-lo de “Método Tradicional”: que simplesmente conduz o aluno a ter um aprendizado com base em decorar os conteúdos a fim de esses fosseuma simples reprodução do que era repassado. Onde era criado o chamado Conhecimento Significativo: onde o aluno passa a decorar de terminado assunto, por certo período (correspondente ao anterior aavaliação desse conhecimento) que faz com que haja posteriormente um esquecimento (desvalorização do conteúdo) pelo aluno. Mas no decorrer dos anos 70, foi dado ênfase a Renovação Metodológica comtécnicas que motivaram o surgimento de propostas que separavam os métodos de ensino dos conteúdos explícitos, houve um crescimento do uso áudio visuais utilizados pela área das ciências humanas.
Paraentender o essa Metodologia Tradicional que está sendo empregada deve-se atentar para a visão do aluno como um receptor de conhecimento (no caso da História, história positivista). Perpassandoposteriormente os novos métodos utilizados nas salas de aula: o aluno não apenas como receptor agora ganha voz, passa a haver um feedback (uma troca de informações).
Houve muita resistência às novas mudanças queforam propostas, por parte daqueles que defendiam a tradição escolar, e as novas formas se constituem de maneira mais complexa. O desejo para que as mudanças atinjam seu objetivo e desempenho...
tracking img