Biostil

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1745 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Trabalho de
Produção de Álcool




Processos Fermentativos: Biostil, Levedura Floculante e Levedura Imobilizada



Tecnologia em Produção Sucroalcooleira











Fermentação Processo Biostil



Existem alguns projetos que visam à implantação para a produção de etanol combustível em outros países.

Via de regra, um dos maiores problemas a resolver é o que se devefazer com a vinhaça.

Seja por questão de proximidade com centros urbanos, por questão de inadequação dos solos ou por questão puramente de legislação vigente nesses países.

Esses projetos buscam solucionar esse problema e tentar dar uma destinação viável para esse resíduo da destilação.

Embora no Brasil a distribuição de vinhaça in natura ainda seja comum, as novas plantas já prevêem oproblema.

Com o plantio de novas áreas de produção, que muitas vezes são dispersas e distantes das unidades industriais, a distribuição da vinhaça através de canais se torna impossível.

Resta então uma distribuição por caminhões, que é uma atividade com alto custo operacional.

Portanto mesmo para o Brasil essa busca de redução no volume de vinhaça é uma boa política.

É importantelembrar que a redução deste volume não vai implicar em menor disponibilidade para irrigação

A água retirada da vinhaça vai continuar existindo sob a forma de condensados ou de outros efluentes, mas com uma condição muito mais confortável para a sua distribuição na lavoura.

Em outros países, a tecnologia aplicada visando redução da vinhaça esta baseada principalmente em técnicas que contemplamo reciclo desta vinhaça na fermentação.

Desta maneira, para se permitir este reciclo, é necessário que a matéria prima açucarada seja um produto de alto brix, ou seja, xarope ou mel.

Assim, a água é retirada do processo antes da fermentação, pela evaporação do caldo ou pela utilização de mel esgotado.

O processo Biostil tem a seguinte proposta:

A fermentação é conduzida com umalevedura específica que suporta uma alta pressão osmótica decorrente da alta concentração salina, fruto do reciclo de vinhaça.

A fermentação é contínua, e a levedura é recuperada por meio de centrífugas separadoras, sem tratamento ácido.

A diluição do mel é feita pela própria vinhaça reciclada.

Embora seja uma levedura especial, o ambiente na fermentação é tão hostil para o metabolismoda mesma que após cerca de uma semana de operação temos que renovar a carga de levedura.

Desta maneira, são dois fermentadores, um em operação e outro em espera aguardando a propagação da nova carga de leveduras.

Quando o rendimento da fermentação começa a declinar, troca-se a levedura usando o fermentador em espera e assim sucessivamente.

Como há um alto reciclo de vinhaça, a vinhaçaproduzida tem um brix na faixa de 35%.

Nos processos mais usuais, são produzidos entre 15 a 17 litros de vinhaça para 1 litro de Etanol, já no Biostil a produção é de 1 a 4 litros de vinhaça por 1 litro de Etanol.

É possível assim produzir uma vinhaça concentrada sem uso de evaporadores de vinhaça.

Em contra partida, usando a vinhaça com diluidor, no lugar da água, a razão seria: Paracada 1 litro de vinhaça substituiria 3 litros de água.

Além da queda de viabilidade da levedura decorrente das condições da fermentação, existe o consumo constante de açúcar usado na propagação das novas cargas de levedura.

A utilização deste processo é mais comum em algumas plantas na Índia, Europa e Austrália, onde a escassez de água é mais marcante e também porque ele é mais adequado aotrabalho com meios de melaço e xarope e, atualmente as destilarias brasileiras trabalham principalmente com caldo e com mosto misto.
Algumas vantagens e desvantagens desse processo são citadas abaixo:


VANTAGENS:

PEQUENA QUANTIDADE DE VINHAÇA
FERMENTAÇÃO E DESTILAÇÃO INTEGRADA
APLICAVEL ONDE O LENÇOL FREÁTICO É BAIXO E OS SOLOS COM ALTO
TEOR DE POTASSIO (COMPOSTAGEM)

DESVANTAGENS:...
tracking img