Bioquimica do envelhecimento cutaneo facial intrinseco e extrinseco

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 36 (8930 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de julho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
INTRODUÇÃO
Atualmente, século XXI, a expectativa de vida nos países desenvolvidos tem aumentado consideravelmente devido às melhoras nas condições de vida dos seres humanos. Por essa razão, a prevalência das limitações físicas e mentais e das doenças relacionadas com o envelhecimento tem aumentado acentuadamente. Com o objetivo de melhorar esta situação nas próximas décadas e promover oenvelhecimento saudável e bem-sucedido precisamos descobrir alternativas eficazes na prevenção da senescência cutânea.
Isso exige o esclarecimento dos mecanismos do envelhecimento em nível molecular, a redução do seu impacto nos órgãos e organismos com o transcorrer do tempo, a detecção das contribuições genéticas e ambientais para esse mecanismo e o desenvolvimento de exames diagnósticos eestratégias específicas para profilaxia, regeneração e compensação que tendem a retardar as alterações indesejáveis associadas ao envelhecimento.
O órgão humano que mais revela o envelhecimento é a pele, que também é o órgão mais acessível ao estudo dos processos que levam a tal acontecimento. O esclarecimento dos mecanismos de envelhecimento cutâneo são particularmente importantes devidoao fato de que a pele produz grande impacto social em razão de sua visibilidade.
O tecido cutâneo desempenha várias funções como proteção, regulação térmica, dentre outros. Com o envelhecimento ele vai perdendo estas funções deixando o indivíduo vulnerável. Está divido em três camadas derme, epiderme e hipoderme, sendo a primeira dividida em mais cinco camadas. Possui células que compõem osistema imunológico (células de Langerhans), apêndices cutâneos como unhas, pêlos, glândulas e também receptores sensoriais. É o palco para ocorrência de processos como queratinização e melanogênese, além de também participar da produção e ativação dos hormônios.
O envelhecimento intrínseco ou cronológico é dependente de fatores genéticos e não possui uma causa definida. Vários estudosoriginaram diversas teorias como Teoria dos Radicais Livres, Teoria Telomerásica de Envelhecimento Celular, Teoria Genética do Envelhecimento, Teoria Imunológica do Envelhecimento, Teoria do Desgaste, Teoria das Ligações Cruzadas, Teoria Neuro-Endócrina, dentre outras. A Teoria dos Radicais Livres é a mais bem aceita de todas as citadas.
O envelhecimento extrínseco é determinado por fatoresexternos e suas conseqüências só fazem por agravar os efeitos do envelhecimento cronológico. Ele pode ocorrer devido à exposição à radiação IV (infra-vermelha), tabagismo, ozônio, e principalmente pelo fotoenvelhecimento, que é causado devido à exposição as radiações ultra-violeta. Estas são consideradas as principais responsáveis pela maioria das lesões cutâneas do fotoenvelhecimento.
Asmanifestações clínicas da pele cronologicamente envelhecida são: xerose, frouxidão, rugas, flacidez e aparecimento de várias neoplasias benignas, como ceratoses seborréicas e angiomas em framboesa. Já o envelhecimento extrínseco causa ressecamento, ceratoses actínicas, pigmentação irregular (sardas e lentigos), rugas, perda da elasticidade dentre outros. Para retardar os efeitos do envelhecimentocutâneo, muito se tem falado em antioxidantes, que são substâncias capazes de inibir o processo de oxidação mesmo em quantidades diminutas.
Este trabalho é uma revisão teórica dos principais mecanismos do envelhecimento cutâneo facial intrínseco e extrínseco tendo sido baseado em artigos científicos e livros que tratam do assunto.













1. REVISÃO BIBLIOGRÁFICA
1.ANATOMIA DA PELE
A pele, também denominada de cútis, é o maior órgão do corpo humano. É também um órgão de revestimento interno e complexo, constituída essencialmente de três grandes camadas: epiderme, derme e hipoderme (BATISTELA et al 2007).
A pele possui diversas funções como, por exemplo:
• Proteção: atua como barreira de proteção para as estruturas internas do organismo inibindo a...
tracking img