Bioma campos sulinos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 27 (6557 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
BIOMAS DO BRASIL
CAMPOS SULINOS








CURSO: Engenharia Ambiental
DISCIPLINA: Ecologia
PROFESSOR: Roberto Augusto Caffaro Filho
GRUPO: Aryane Mota de Oliveira
Arthur Lira Estanislau Silva
Brunno Rodrigo Leite Anacleto











Maceió, 23 de setembro de 2009
UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS
CENTRO DE TECNOLOGIA - CTEC









BIOMAS DO BRASILCAMPOS SULINOS



























Maceió, 23 de setembro de 2009
SUMÁRIO






1. Introdução 4
2. Localização e Extensão 4
3. Fatores Ambientais 5
4. Organismos 10
5. EspéciesEndêmicas e Ameaçadas 13
6. Unidades de Conservação 15
7. Pressões Antrópicas 18
8. Particularidades 19
9. Referências Bibliográficas 221. Introdução

Campos se referem a um tipo de vegetação composta predominantemente por gramíneas e outras herbáceas, classificado como Estepe no sistema fitogeográfico internacional, e que alimenta aproximadamente 65 milhões de ruminantes (BERRETA, 2001). A fisionomia predominante desses campos é herbácea, em relevo de planície com várias espécies de Poaceae, Asteraceae,Cyperaceae, Fabaceae, Rubiaceae, Apiaceae e Verbenaceae (MMA, 2000).
Os campos naturais que ocorrem ao sul do Brasil, Campos Sulinos, são um dos sete Biomas1 brasileiros classificados pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (IBAMA) (Arruda, 2001). A vegetação desta região foi classificada por Veloso et al (1991) como estepe, apresentando diferentes fisionomias:arborizada, parque e gramíneo-lenhosa.
No Brasil os Campos Sulinos também são conhecidos como: Campos do Sul, Campanha Gaúcha ou Pampa2. Porém, os Pampas são apenas um pedaço das terras dos Campos Sulinos. O Bioma engloba também campos mais altos e algumas áreas semelhantes a savanas.


2. Localização e Extensão

O Bioma Campos compreende 500mil km² (latitudes: 24° e 35° S; longitudes: 57°e 63° W), abrangendo o Uruguai, Nordeste da Argentina, Sul do Brasil, e parte do Paraguai (PALLARÉS et al 2005) (Figura 1). A parte brasileira do Bioma e representa 2,07 % (176.496 km²) do território nacional (Tabela 1). O seu reconhecimento como Bioma é recente, pois somente a partir de 2004 o Bioma Campos Sulinos foi desmembrado do Bioma Mata Atlântica. Segundo o IBGE (2005), ele abrange ametade meridional do Estado do Rio Grande do Sul (RS), se delimitando apenas com o Bioma Mata Atlântica na metade norte do Estado (Figura 2). Cabe ressaltar que a denominação oficial do Bioma ainda passa por avaliações dos órgãos responsáveis por sua legislação e delimitação geográfica, podendo sofrer alterações. Atualmente a área reconhecida compreende aproximadamente 63% da área total do Estado(Figura 3) (Carvalho, P.C.F. et al 2006).
[pic]
Tabela 1 – Percentual dos sete Biomas brasileiros

1Bioma – é conceituado como um conjunto de vida (vegetal e animal) constituído pelo agrupamento de tipos de vegetação contíguos e identificáveis em escala regional, com condições geoclimáticas similares e história compartilhada de mudanças, o que resulta em uma diversidade biológica própria (IBGE,2005).
2Pampa – de origem indígena quéchua, que significa "região plana”, é um nome genericamente dado à região pastoril de planícies com coxilhas3(Wikipedia [1]).
3Coxilhas – colinas localizadas em regiões de campos, podendo ter pequena ou grande elevação, em geral coberta de pastagem (Wikipedia [2]).
Segundo Marcelo Madeira, chefe da Divisão Técnica (DITEC) da Superintendência doIBAMAS/RS, onde atua como coordenador do Grupo de Trabalho do Bioma Pampa, constatou-se que 60% da vegetação nativa do Bioma já foi suprimida. Para proteger, minimamente, o restante do pampa, foi feito o Zoneamento Ambiental para a Silvicultura – ZAS -, que, considerando “a área do pampa stricto sensu, localizada principalmente na metade sul do estado e a oeste da Lagoa dos Patos até os limites com a...
tracking img