Biologia na psicologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (585 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 2 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
A junção da psicologia e da biologia abre um leque de novos estudos e possíveis curas para doenças antes sem qualquer possibilidade de cura. Genes, fatores ambientais, educação e o ambiente cultural,são eles que fazem um ser humano ter o comportamento que tem. Estes estudos junto com o psicólogo podem descobrir predisposições para doenças como câncer e Alzheimer.
A partir do momento queacontece a fecundação do ovulo, tudo ira afetar o comportamento daquela criança ao nascer, natureza e ambiente trabalham juntas quando se trata da formação comportamental de um individuo. Apenas um par degenes não explica as características comportamentais, só pode explicar algumas patologias raras. Vários pares de genes junto com os componentes ambientais são usados para os estudos hoje.
O uso degêmeos idênticos ou não no ambiente familiar da adoção que são usados em estudos por terem ambientes diferentes, eles estudam a herdabilidade (das doenças), gêmeos sendo criados separadamente tem aporcentagem bem menor comparada com gêmeos criados no mesmo ambiente. As influencias dos fatores ambientais são individuais para cada pessoa.
Os avanços na genética molecular auxilia a investigação deidentificar genes no DNA responsáveis pelas características comportamentais. A associação entre genes e psicopatologias é complicada por não ser parecido com outro grupo, mas às vezes ajuda a encontrarevidencias importante como no mal de Alzheimer. As pesquisas que buscam relacionar os genes com as características apenas descobrem certa predisposição para as patologias, não como antigamente queafirmavam.
Possíveis resultados associaram uma mutação rara no gene que muda a monoaminoxidase A (MAOA) que é localizado no cromossomo X, que interfere no metabolismo dos neurotransmissores, dopamina,serotonina e norepinefrina levando ao comportamento agressivo.¹
Charles Darwin e Francis Galton, no século XIX e XX testes mentais, mas houve muitas discriminações pelos resultados.²
A diferença...
tracking img