Biografia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2087 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
BIBLIOGRAFIA: AUGUSTO DOS ANJOS



























ALUNO: GABRIEL DE MORAIS SANTI
BIBLIOGRAFIA DE AUGUSTO DOS ANJOS
1.1- INFORMAÇÕES SOBRE AUGUSTO DOS ANJOS
Augusto de Carvalho Rodrigues dos Anjos

Nascimento 20 de abril de 1884
Sapé, Paraíba

Morte 12 de novembro de 1914 (30 anos)
Leopoldina

Nacionalidade Brasileiro

Ocupação Poeta eprofessor

Escola/tradição Pré-modernismo, Modernismo




1.2 QUEM FOI AUGUSTO DOS ANJOS
Foi um poeta brasileiro, identificado muitas vezes como simbolista ou parnasiano. Todavia, muitos críticos, como o poeta Ferreira Gullar, preferem identificá-lo como pré-modernista, pois encontramos características nitidamente expressionistas emseus poemas. É conhecido como um dos poetas mais críticos do seu tempo, e até hoje sua obra é admirada tanto por leigos como por críticos literários.
Em 1903, iniciou os estudos na Faculdade de Direito do Recife onde teve contato com o trabalho "A Poesia Científica", do professor Martins Junior. Formado em 1907, preferiu não advogar e ensinar português. Casou-se, em 4 de julho de 1910 com EsterFialho.
No mesmo ano, em consequência de desentendimento com o governador, foi afastado do cargo de professor do Liceu Paraibano, onde havia estudado. Resolveu então se mudar para o Rio de Janeiro, onde exerceu durante algum tempo o magistério. Lecionou geografia na Escola Normal, depois Instituto de Educação, e no Ginásio Nacional, depois Colégio Pedro II, sem conseguir ser efetivado comoprofessor. Em 1911, morreu prematuramente seu primeiro filho.
Em fins de 1913 transferiu-se para Leopoldina, MG, por ter sido nomeado para o cargo de diretor de um grupo escolar. Morreu nessa cidade, vitimado pela pneumonia, com pouco mais de trinta anos. Ainda jovem, os sofrimentos físicos tinham-lhe dado um aspecto senil.
Quase toda a sua obra poética está no seu único livro "Eu", publicado em1912. Apesar de praticamente ignorado a princípio, pelo público e pela crítica, a partir de 1919 o livro foi constantemente reeditado como "Eu e outros poemas".
Durante sua vida, publicou vários poemas em periódicos, o primeiro, Saudade, em 1900. Em 1912, publicou seu livro único de poemas, Eu. Após sua morte, seu amigo Órris Soares organizaria uma edição chamada Eu e Outras Poesias, incluindo poemasaté então não publicados pelo autor.















2 OBRAS DO AUTOR
O autor tem tres obras: Eu (único livro publicado em vida, 1912), Eu e outras poesias, e os Poemas esquecidos.
Todas as poesias apresentam:
 Apresenta grande originalidade.
 Apresenta a dor de ser, as angústias existenciais. (não é simbolista, pois une o Simbolismo com o cientificismo naturalista)
Realiza a poesia científica de um modo diferente do que era feito antes dele.
 Apresenta antilirismo, antipoesia.
 Renova os temas com agressividade, utilizando um vocabulário que valoriza o verme, o germe, a doença, a ferida, o escarro.
 Faz uso de termos científicos como carbono, amoníaco, epigêneses, diatomáceas, criptógama.
Os temas tratados em suas poesias sempre falam de angustia,pessimismo, morte, podridão, e horror.

Obra: Eu, 1912;
Reedição: Eu e Outras Poesias, 1919.



Augusto dos Anjos é um poeta único em nossa literatura. Publicou quase toda a sua obra poética no livro Eu, que saiu em 1912. O livro foi depois enriquecido com outras poesias esparsas do autor e tem sido publicado em diversas edições, com o título Eu e Outras Poesias. Se bem que nostivesse deixado apenas este único trabalho, o poeta merece um lugar na tribuna de honra da poesia brasileira, não só pela profundidade filosófica que transpira dos seus pensamentos, como pela fantasia de suas divagações pelo mundo científico. São versos que transportam a dor humana ao reino dos fenômenos sobrenaturais. O estilo de Augusto dos Anjos é correto e suas composições são testemunhos de...
tracking img