Biogeoquimica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2254 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
coolismo e Abuso de Álcool
INTRODUÇÃO
    Considera-se abuso do álcool quando uma pessoa utiliza, mesmo que não constantemente, álcool em quantidade suficiente para causar problemas de saúde ou de outra espécie, como brigas e acidentes automobilísticos. Mesmo sem ser dependente do álcool, uma pessoa que utiliza o álcool sem moderação pode ter complicações tão ou mais sérias que os alcoólatras.Foto após acidente de trânsito onde um motorista bêbado atingiu um caminhão, matando a esposa e a filha (cortesia do Dr. Heitor Carvalho)
    O alcoolismo é uma doença onde há dependência do uso de álcool. O alcoólatra tem grande dificuldade de parar de beber, está sujeito aos mesmos riscos do abuso de álcool mas, como não consegue abandonar a bebida, apresenta muitas vezes uma deterioração nasaúde, na família, no trabalho e no círculo de amizades.
NOSSA SOCIEDADE E O ABUSO DO ÁLCOOL
    O abuso do álcool e o alcoolismo estão entre os principais problemas da nossa sociedade. O álcool é uma droga como a heroína, a cocaína e o crack. Por quê? Porque vicia, altera o estado mental da pessoa que o utiliza, levando-a a atos insensatos, muitas vezes violentos. Pior, causa mais problemas àfam

à sociedade. Infelizmen

faz parte da nossa cultura o seu uso.

Algumas estatísticas sobre o álcool |
O alcoolismo acomete de 10% a 12% da população mundial e 11,2% dos brasileiros que vivem nas 107 maiores cidades do país |
A incidência de alcoolismo é maior entre os homens do que entre as mulheres |
A incidência do alcoolismo é maior entre os mais jovens, especialmente na faixaetária dos 18 aos 29 anos, reduzindo com a idade |
O álcool é responsável por cerca de 60% dos acidentes de trânsito e aparece em 70% dos laudos cadavéricos das mortes violentas |
De acordo com a última pesquisa realizada pelo Centro Brasileiro de Informações sobre Drogas Psicotrópicas (CEBRID) entre estudantes do 1º e 2º graus de dez capitais brasileiras, as bebidas alcoólicas são consumidaspor mais de 65% dos entrevistados, estando bem à frente do tabaco. Dentre esses, 50% iniciaram o uso entre os 10 e 12 anos de idade. Então por isso proibirão venda de alcool a menores de 16 anos. |
Fonte: Associação Brasileira de Psiquiatria - Abuso e Dependência do Álcool
    As outras drogas são consideradas ilegais e sua venda e uso levam a punições severas. Começamos a lutar contra o uso danicotina, com vetos à propaganda e informações à população, mas o seu uso está crescendo, principalmente entre as mulheres. E o álcool ? Continuamos assistindo a propagandas na televisão, na rua e no rádio, mostrando que vinho e whiskey são adequados a pessoas de fino trato e, pior, que beber cerveja é pré-requisito para um bom convívio social. Algumas dizem claramente que o homem que não bebecerveja não consegue mulheres.

Movimento Propaganda sem Bebida
    Fora os problemas com violência e direção, o álcool pode provocar diversos malefícios ao organismo. É claro que a dose necessária para isso depende enormemente da pessoa e do teor alcoólico da bebida. Em relação à cirrose, por exemplo, considera-se que um homem deve beber em média 80 gramas de álcool (60 g para mulheres) porsemana por 10 a 12 anos. O etanol ainda afeta diversos órgãos, causando doenças do cérebro, nervos, coração, pâncreas, etc.
Bebida | Unidade | mL | Etanol (g) |
Cachaça | Dose | 50 | 17 |
  | Garrafa | 660 | 220 |
Destilados (uísque, vodka) | Dose | 50 | +/- 16 |
Aperitivos (Martini, campa ri) | Dose | 50 | +/- 8 |
Cerveja | Copo | 250 | 9 |
  | Lata | 350 | 13 |
  | Garrafa | 660 | 25|
g/L = °GL x 10 x 0,7893
Fonte: Neves, MM e cols. Concentração de etanol em bebidas alcoólicas mais consumidas no Brasil. GED 8(1):17-20, 1989
DIAGNÓSTICO
    O alcoolismo é um conceito completamente diferente. É uma doença, um vício, devendo ser tratado como tal. Acredita-se que seja causado principalmente por predisposição genética, segundo achados mais recentes, e em menor parte pelo...
tracking img