Biofísica da visão

APOSTILA – TÓPICOS EM BIOFÍSICA DA VISÃO
Glauson Chaves

TÓPICOS DE BIOFÍSICA DA VISÃO

O órgão visual está alojado na órbita, cavidade óssea que lhe serve como proteção. Consta de trêsmembranas concêntricas, chamadas esclerótica, coróide e retina e de três corpos transparentes denominados: humor aquoso, cristalino e vítreo. A esclerótica é designada "branco do olho" por ser dessa cor;em sua parte anterior tem a córnea transparente. A coróide está situada debaixo da anterior e é de cor escura. Possui um disco vertical a íris, de cor variável, o qual tem um pequeno buraco chamadopupila. A retina é a membrana mais interna e está debaixo da coróide. O nervo óptico (primeiro par craneal), ao atravessar a esclerótica e a coróide na sua parte posterior, se ramifica em numerosasfibras que contribuem para formar esta membrana. A entrada deste nervo na retina se chama "ponto cego" e é insensível à luz; todas as demais partes gozam de grande sensibilidade sobretudo na manchaamarela. O humor aquoso é um líquido incolor que enche o espaço compreendido entre a córnea e o cristalino, espécie de lente biconvexa disposta depois da Íris e que tem a propriedade de contrair-sebuscando a perfeita visão. A câmara posterior do olho, situado entre o cristalino e a retina, está recheada por uma substância consistente, que tem aspecto gelatinoso, e que se denomina humor vítreo. Omecanismo da visão pode-se entender melhor ao comparar o globo ocular com a câmara escura de uma máquina fotográfica; o cristalino como se fosse à objetiva; a Íris, o diafragma, e a retina seria aplaca ou película. Desta maneira os raios luminosos penetram na córnea e no humor aquoso, passando pela pupila. Ao chegar ao cristalino e seguindo as leis da refração o raio luminoso atravessa as lentesbiconvexas dando uma imagem invertida, enquanto o cristalino se acomoda enfocando a imagem na retina e conseguindo-se uma clara visão.

2
Copyright – 2011 Física Aplicada a Ciências Biológicas e...
tracking img