Bioética

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2875 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Curso Sistemas de Informação

-------------------------------------------------

-------------------------------------------------
Bioética em relação ao Direito
-------------------------------------------------

Manaus – AM

ESBAM – Escola Superior Batista do Amazonas

“A Filosofia, integrada com o Direito, reveste-se de capital importância, na medida em que ambas tematizam aBioética como um novo paradigma e com injunções éticas em sua relação com a Ciência e a Tecnologia.”

Manaus - AM

Índice

1. Introdução | | 04 |

2. Conceito de Bioética | | 05 |

3. Como surgiu? | | 06 |

4. Bioética e sua relação com o Direito | | 06 |

5. Sociedade, Tecnologia, Ética e Direito | | 08 |

6. Conclusão | | 10 |

7. Bibliografia | | 11|

1. Introdução

Este tem por objetivo mostrar os novos desafios lançados à Filosofia na atualidade em diversas áreas da ciência, em destaque a Bioética em relação ao Direito, decorrentes dos avanços das tecnociências do mundo contemporâneo.

Ação
Ética
Justificativa
Reflexões
Pareceres
Moral
Normas
Diretrizes
Códigos Profissionais
Preceitos Religiosos
Legal
LegislaçãoLeis
Resoluções
Portarias

.
2. Conceito da Bioética
A disciplina (ciência) que vem despertando crescentemente o interesse e a conscientização populares denomina-se bioética. Entende-se a mesma como uma maneira de regulamentação das novas práticas biomedicais, atingindo três categorias de normas: deontológicas, éticas e jurídicas, a exigirem comportamento ético nas relações entrebiologia, medicina e direito. Corresponde a tudo que diz respeito à vida (bio + ética), ou seja, é a ética da vida ou do vivo; bioética ou ética aplicada à vida, no sentido etimológico.
Encontra seu campo de atuação na nova consciência dos direitos individuais e sociais, notadamente na nova ordem ética que os progressos tecnológicos e científicos têm suscitado.
A bioética corresponde, sem dúvida, auma verdadeira revolução cultural, nascida nos EEUU, na década de 60, provocando um choque na mentalidade da época.
Segundo Marco Segre, é a parte da ética que enfoca as questões referentes à vida humana e portanto à saúde. Tendo esta como objeto de estudo trata também da morte. Tudo o que é vida lhe compete. Não tem fronteiras e daí não ser definida a exemplo de outras disciplinas.
Bobbio dizpertencer aos direitos de quarta geração. Trata da natureza, da flora, da fauna e da vida humana.
Bioética começa a ganhar expressão a partir do aparecimento do termo, em 1970, introduzido por Van R. Potter, que o utilizou para designar uma nova ciência da sobrevivência ou ciência dos sistemas vivos (bio) e do conhecimento dos sistemas de valores humanos (ética). Bioética procura melhorar aqualidade de vida (Potter). É uma nova disciplina do saber e precisamente por isso difere das demais.
A bioética enfim surge da necessidade de desvendar as novas relações humanas oriundas das tecnologias de reprodução e criação da vida. Busca respostas aos dilemas éticos que envolvem os seres humanos neste fim de milênio.
A popularidade e a natureza da bioética só serão compreendidas quandorelacionadas com outras palavras e disciplinas, como a moral, a ética, a deontologia e o Direito.
O vocábulo bioética foi escolhido também por estar menos ligado a uma abordagem religiosa e porque traz para si a idéia de interdisciplinariedade.

3. Como surgiu
Os princípios enunciados dizem respeito a Bioética: um neologismo que teve um rápido e grande sucesso. O termo apareceu, pela primeiravez em 1971, num artigo escrito pelo oncólogo Van Rensselaer Potter, da Universidade de Wisconsin (E.U.A.), com o título The science of survival, e no ano seguinte, no volume do mesmo autor com o título Bioethics: bridge to the future. Potter diagnosticou com seus escritos o perigo que representa para a sobrevivência de todo o ecossistema a separação entre duas áreas do...
tracking img