Bibliologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2955 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Sumário:

1. Conhecimentos gerais sobre a Bíblia
2. A singularidade da Bíblia judaico-cristã
3. A Estrutura da Bíblia – suas divisões
Introdução: O propósito desta primeira aula é apresentar informações concretas e de domínio universal que justificam a total e irrestrita confiança que depositamos nas Escrituras judaico-cristã, a Bíblia Sagrada. Como umlivro, a Bíblia Sagrada, é único. O “Aurélio” define único como: exclusivo, que é só um, de cuja espécie não existe outro, excepcional, a que nada é comparável. Ela também é singular – “O Livro dos livros” título que só a Bíblia detém e merece. Para o cristão, no entanto, seu valor inestimável é devido ao fato de que revela Jesus Cristo, nosso Salvador, Senhor e Deus (Cl 1.26,27; Cl 2.2). “O caminho deDeus é perfeito; a palavra do SENHOR é provada; é um escudo para todos os que nele confiam.”(Sl 18.30).

Desenvolvimento:

1. “O que é a Bíblia?” – Conceito: É o livro sagrado dos seguidores da Doutrina de Jesus Cristo, os cristãos. Este livro é uma coletânea de 66 livros, escritos sob a inspiração de Deus, por diversos escritores ao longo dos séculos, e preservados milagrosamente a quasetrês milênios. O propósito deste livro é revelar Jesus Cristo, como a Pessoa da Santíssima Trindade Divina (100% Deus) que se fez 100% homem para ser o único Salvador e Senhor de todos os homens, a saber, os que crerem n`Ele. Através da Bíblia, o Espírito Santo busca convencer os homens a que se convertam a Cristo. Este livro além de ser doutrinário é, também, filosófico, histórico e profético.Nele está o registro da história do povo israelita, do qual descendeu Jesus Cristo e a história dos primeiros cristãos. Na sua última parte estão revelados os últimos dias da história humana e a revelação de que Deus governará no futuro a humanidade, sem qualquer oposição, através de Jesus Cristo, o Seu Filho Unigênito, e que recompensará cada homem segundo as suas obras.

2. Qual aimportância da Bíblia?

a) Para o cristão: É a regra de fé e prática. Ou seja, é a única e exclusiva fonte da revelação Deus aos homens e o fundamento (referencial) insuperável da moral e da ética, para a santificação do crente (2Tm 3.16,17). Sua vida depende do Conhecer, interpretar e aplicar seus ensinos (Dt 30.20a, ARA). Quando o cristão ora ele fala com Deus; quando ele lê a Bíblia Deus fala comele. Portanto, a importância que alguém dá à Bíblia é uma questão de relacionamento.

b) Para o obreiro: É a ferramenta de trabalho (2Tm 2.15). É a arma de ataque e defesa (Hb 4.12; Ef 6.13,17).

c) Para a humanidade: Para a humanidade sem Deus a Bíblia será a base do julgamento divino (2Ts 2.12; At 17.31; 1Co 2.14). Uma parte da humanidade considera a Bíblia tudo de bom, mas naprática não dá ouvidos à sua mensagem principal. A influência da Bíblia no desenvolvimento humano e social é inegável.

3. Qual a origem do nome bíblia? O nome bíblia consta apenas de sua capa. Foi primeiramente aplicado às Escrituras por João Crisóstomo (patriarca da igreja de Constantinopla, entre 398-404 d.C.). Significa “coleção de livros pequenos”. Na língua grega uma folha de papiro é“biblos”; um rolo pequeno de papiros (interligados) chamavam “bíblion”; e, a vários rolos de “bíblia”.
EXTRA:
Quando falamos da Bíblia, falamos de uma coleção de livros. A Bíblia é um conjunto de Escritos Sagrados, que chegou até nós atravessando séculos por meio do povo judeu e pelos cristãos zelosos.
A Bíblia é a revelação de Deus à humanidade, é a vontade de Deus escrita, que contém o queo Senhor requer do homem, e o que o homem precisa ser e fazer para chegar até o criador.
Mas o fato é, que essa palavra só se encontra escrita na capa do Livro Sagrado.
A palavra Bíblia passou por grandes mudanças  ”Bíblos”  era o nome de uma antiga cidade Fenícia, famosa pela exportação de papiros . Deste nome se originou a palavra  “Biblíon”  (livro) e mais tarde  “TÁ BIBLÍA”  (os livros)....
tracking img