Bauhaus

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1618 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
ESCOLA BAUHAUS
HISTÓRICO:
Período: 1919 à 1933
Local: Alemanha
Fundador: Walter Groupius (1883-1969)
A Bauhaus é resultado da junção de duas escolas:
Escola Superior de Belas Artes + Escola de Artes
Aplicada = BAUHAUS. Nas palavras de Walter
Groupius: “A BAUHAUS quer estabelecer harmonia
entre as diferentes atividades da arte, entre todas
as disciplinas artesanais e artísticas etorná-las
inteiramente solidárias de uma concepção de
CONSTRUIR

PRINCÍPIOS DA ESCOLA
Fundada com a intenção de mesclar conhecimento
arquitetônico, com trabalho artesão, transformando
em uma academia artes;
-Criar novos modelos que sejam de baixo custo e fácil
de ser fabricado em grandes escalas para fornecer a
todos (ex. casas populares de baixo custo);
- A produção industrial e o desenho deprodutos
ganham destaque;
- Unir artes, artesanato e tecnologia;
- Valorização das máquinas;

O ensino da história da arte foi considerado desnecessário,
uma vez que partia da idéia de que tudo deveria ser criado
por “ideologias racionais” ao invés de usar como base o
passado. O importante era a reconstrução de um novo “ser”,
da arte e da economia. A experiência prática tornou-se ummodelo seguido por escolas de arte e design no mundo
inteiro.

FASES DA ESCOLA

1ª Fase: EXPRESSIONISTA
1919 à 1927 – Período Weimar
Sob a direção de Walter Gropius

2ª Fase: FORMALISMO CONSTRUTIVISTA
1927 à 1929 – Período Dessau
Sob a direção de Hannes Meyer

3ª Fase: RACIONALISMO RADICAL
1929 à 1933 – Período Berlim
Sob a direção de Mies Van de Rohe

FIM DA ERA GROPIUS
1925-1928• Walter Gropius foi um dos nomes mais importantes da renovação estética do século XX.
• Ele fundou a Bauhaus de Weimar em 1919, com o objetivo de combinar o ensino artístico e técnico em um só lugar.
• Gropius desenhou o prédio da Bauhaus de Dessau em 1925, sendo este seu projeto mais conhecido.
• Walter Gropius não foi o primeiro, mas foi um dos principais responsáveis por uma reviravoltaque tentou unir arte e técnica.
• O Gropius se deparou com a má situação econômica em Dessau, deixando de seus honorários. Abrindo espaço para Hannes
Meyer entrar na coordenação da Bauhaus.

2ª Fase: FORMALISMO CONSTRUTIVISTA
1927 à 1929 – Período Dessau
Sob a direção de Hannes

Meyer

As aulas de Meyer eram baseadas no seu profundo conhecimento da
construção. Para ele, construir era umprocesso elementar que refletia
as necessidades humanas biológicas, intelectuais, espirituais e físicas.
Por isso, era necessário tomar em consideração a totalidade da
existência humana.
Nasceu em Basiléia entre 1905 e 1909 e freqüentou a Kunstgewerbeschule Basel e de
1909 a 1912, a Kunstgewerbeschule Berlin. A partir de 1919, Hannes Meyer teve o seu
gabinete de Arquitetura em função.
EmAbril de 1927, passou a docente na Bauhaus e pouco depois, foi apontado por
Walter Gropius para Diretor do Departamento de Arquitetura. E de 1928 a 1930
assume as funções de diretor da Bauhaus.

Embora o manifesto da Bauhaus seja representado na Arquitetura como a atividade
mais importante da Escola, foi só quando Meyer entrou que esta intenção se tornou
realidade.
No ano seguinte, Meyertrouxe até a Bauhaus funcionalistas como Hans Wittwer e mais
tarde também chamou Ludwig Hilberseimer. Na sua função de diretor, Meyer rejeitou o
individualismo vanguardista que tinha reinado nos anos de Gropius, e conduz a Escola a
uma direção mais pragmática e profissional.

Além disso, enfatizou as possibilidades da produção em massa. Esta mudança
leva Meyer a desenvolver a Oficina deTipografia e Publicidade (introduzida
por Herbert Bayer em 1927) e a colocá-la debaixo da orientação de Joost
Schmidt - para produzir publicidade e rendimentos de vendas.
Logo que assumiu a direção, Hannes Meyer fez uma reformulação de todo o
curso com bases em debates com a participação de todos — inclusive dos
estudantes.

“Queríamos modificar e substituir toda a base pedagógica do
Instituto...
tracking img