Barrinha de esmoriz

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 43 (10507 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Barrinha de Esmoriz

Lagoa de Paramos

Por uma boa causa

QUERCUS
Núcleo Regional do Porto

"Ninguém cometeu maior erro do que aquele que não fez nada
só porque podia fazer muito pouco."
Edmund Burke

AGRADECIMENTOS
Este trabalho teve a colaboração imprescindível de várias pessoas:

PEDRO LOPES
Contribuição para o estudo e inventariação da avifauna, participação em trabalhos decampo.

PEDRO SARMENTO
Esquemas ilustrativos da ecologia da lagoa, pesquisa bibliográfica e monitorização do estado do
biótopo.
RICHARD POOLEY
Elaboração e actualização constante das listas de avifauna e flora, monitorização do estado do biótopo
e diversos trabalhos de campo.
VICTOR SOLTEIRO
Trabalhos de campo, monitorização regular do estado do biótopo e ajuda na concepção do trabalho.Agradecemos também a todos aqueles que ao longo de mais de cinco anos participaram com
entusiasmo nos diversos trabalhos de campo, reuniões, consultas de documentos, etc., incluindo as
diversas escolas que ajudaram a divulgar a importância ecológica da Barrinha de Esmoriz.

ÍNDICE

AGRADECIMENTOS

3

ÍNDICE

4

INTRODUÇÃO

6

I - IMPORTÂNCIA ECOLÓGICA

7

II -CARACTERIZAÇÃO DA ÁREA

8

A - CARACTERIZAÇÃO GEOGRÁFICA
Zona Alagada
Dunas
Campos Agrícolas
Zona Florestada

8
8
8
9
9

III - VALORES NATURAIS

10

A - Fauna
1. Invertebrados
2. Vertebrados

10
10
11

IV - FACTORES DE DEGRADAÇÃO

15

A - Poluição Aquática

15

B - Poluição Sonora

16

C - Resíduos Sólidos / Entulhos

17

D - Pressão Humana e Urbanística

18

E- Caça

19

F - Instabilidade do Nível de Água

19

G - Destruição das Dunas

21

B - Flora
1 - Vegetação aquática e de pântano
2 - Vegetação ripícola
3 - Vegetação arbustiva e arbórea
4 - Vegetação dunar

13
13
14
14
14

V - MEDIDAS DE PROTECÇÃO E RECUPERAÇÃO

23

A - Medidas a Curto Prazo
A.1 – Limpeza e prevenção do despejo de entulhos na área
A.2 - Colocação deplacas informativas no local
A.3 - Preservação das dunas
A.4 - Aprovação de um estatuto de protecção

23
23
23
24
25

VI - POTENCIALIDADES E APROVEITAMENTO FUTURO DA ÁREA

29

A - Turismo e Ambiente

29

B. Educação e Cultura

29

VII - CONCLUSÃO

31

VIII - BIBLIOGRAFIA

32

ANEXO I - AVES

33

ANEXO II - INVENTÁRIO FLORÍSTICO

39

B - Medidas de Protecção eRecuperação a Médio Prazo
B.1 - Controlo e tratamento dos efluentes
B.2 - Desassoreamento da Lagoa
B.3 - Recuperação do cordão dunar
B.4 - Arborização das margens da lagoa
B.5 - Melhoria das condições de acolhimento da avifauna aquática

25
25
26
27
27
27

INTRODUÇÃO
A Barrinha de Esmoriz / Lagoa de Paramos é um biótopo que interessa sem dúvida alguma proteger e
recuperar o maisrapidamente possível.
O seu valor paisagístico, faunístico e florístico, que apresentamos detalhadamente, comprovam de uma
forma clara e inequívoca que esta lagoa é o espaço natural mais importante do concelho de Espinho e
de Ovar e um dos mais importantes em todo o litoral a norte da Ria de Aveiro.
Numa altura em que as medidas de preservação do ambiente e conservação da natureza ganham cadavez mais força, por ser óbvia a sua relação com a qualidade de vida, importa pois aplicar rapidamente
os conhecimentos técnicos e científicos ao nosso alcance na salvaguarda deste ecossistema.
A protecção e recuperação da Barrinha de Esmoriz / Lagoa de Paramos não é de difícil implementação
bastando para tal a vontade e o empenhamento das entidades responsáveis, já que a população,
sobretudo osjovens, está fortemente sensibilizada e motivada para esta necessidade.
O presente trabalho aborda de uma forma mais profunda os aspectos da ecologia da lagoa, que, em
conjunto com outros trabalhos já elaborados, nomeadamente pela C.C.R.N. (1987 e 1989), e com a
legislação em vigor, são mais do que suficientes para passar imediatamente às medidas práticas que
possibilitem finalmente a sua...
tracking img