Bacterias aerobicas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 18 (4476 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Aula teórica nº 12 de Microbiologia – Faculdade de Medicina da Universidade do Porto
Bactérias Anaeróbias – Parte I
Aspectos gerais das infecções por bactérias anaeróbias. Diagnóstico laboratorial das infecções por
bactérias anaeróbias.
Aula dada por: Prof. Acácio Rodrigues. 7 de Novembro de 2006
Bactérias:
- Aeróbias obrigatórias: exigem O2 como aceitador terminal de electrões
- Aeróbiasfacultativas: crescem em aerobiose e são capazes de obter energia pela fermentação
de compostos orgânicos. Existe todo um espectro contínuo de capacidades de tolerar O2 que vai
desde o extremo do aeróbio obrigatório até ao anaeróbio estrito.
- Anaeróbias obrigatórias/estritas: não são capazes de fixar O2 e este é francamente inibidor do
seu crescimento. Podem ser classificadas em:
-extremamente sensíveis: as “verdadeiras” anaeróbias estritas, porque não toleram
concentrações de O2 > 0,5% por mais que uns minutos
- moderadamente sensíveis: toleram concentração de O2 até 2-8%. Podem não se
conseguir multiplicar na presença de O2, mas, pelo menos, não morrem. Toleram estes
níveis cerca de 15 a 20 minutos.
(No entanto, o professor não faz grande questão nesta distinção. No examepodemos considerálas
a todas como “anaeróbias obrigatórias/estritas”.)
Os tais anaeróbios obrigatórios estritos, os extremamente sensíveis, são tipicamente membros
das nossas populações microbianas normais – isto é um aspecto muito importante. Os
moderadamente sensíveis são os principais agentes de infecções humanas, o que é lógico: têm
uma maior capacidade de adaptação, tolerando por um certoperíodo de tempo eventuais
concentrações de O2 que estejam presentes.
E porque motivo é o O2 é tóxico para estas bactérias?
O O2 é tóxico para qualquer célula viva, quer seja procariótica ou eucariótica. Por exemplo, se se
ventilar um pulmão humano a uma concentração de O2 de 100% durante algumas horas, durante
alguns dias, ele ficará totalmente fibrosado. Porquê? O O2 gera radicais que sãoextremamente
deletérios. Um radical ao qual se dá grande importância é o anião super-óxido O2
2-: porque é
capaz de quebrar DNA, inactiva muitas enzimas bacterianas e é extremamente tóxico para os
lípidos da membrana. O que se sabe é que as bactérias aeróbias produzem determinadas enzimas
que são capazes de quebrar estes radicais livres: catálase, peroxídase, dismutase do super-óxido.
O quefazem: O2
2- + H2  (Dismutase do super-óxido)  H2O2 (que também é tóxico) 
(Catálase/Peroxidase)  O2 + H20
Quando se começaram a cultivar e a estudar bactérias anaeróbias surgiu a noção, um pouco
empírica, de que o O2 lhes seria nocivo, porque não teriam estas enzimas. E 1971, McCord diz que
as bactérias anaeróbias geralmente não produzem catálase e nunca produzem dismutase do
super-óxido.Isto é uma daquelas “verdades” que não o é a 100%, mas é vulgarmente aceite. É
um conceito bastante arreigado, não produz problemas clínicos, nem é causa de erros de
tratamento, mas, ainda assim, não é totalmente verdade. E porquê? Em relação a:
- Catálase: demonstrada a produção de catálase em espécies de Bacteróides, Peptoestreptococcus
e Propionibacterium (que são anaeróbias estritas); nãose correlaciona com a tolerância ao O2
- Peroxidase: não foi definitivamente demonstrada a produção significativa de peroxidase em
bactérias anaeróbias estritas.
- Dismutase super-óxido:
• Produção induzida por exposição ao O2 (ex. Bacteroides): está reprimida, mas quando a bactéria
entra em contacto com o O2, ao fim da 2ª ou 3ª geração, as células filha já são capazes de a
exprimir
•Eubacterium limosum e Clostridium oroticum (“por curiosidade, porque ninguém vos vai
perguntar isto no exame”) – produzem quantidades significativas desta enzima, mas são
incapazes de sobreviverem em aerobiose.
De um modo geral, o teor da dismutase do super-óxido é maior em bactérias gram- que gram+. E
daí existirá uma correlação com o grau de tolerância ao O2 nas anaeróbias obrigatórias...
tracking img